ALdCS – Capítulo 32

Quarto Dever Diário do Cavaleiro Sol: Cuide dos Membros do Pelotão do Cavaleiro Sol (Parte 1)

Roland não tinha nenhum interesse em roupas e materiais. Se não fosse a tia costureira que via como ele era bonito e o amarrava obstinadamente com fitas de medida enquanto discutia o projeto consigo mesma, acho que ele teria dito “Três conjuntos de roupas de guerreiro. Aqui está o adiantamento”, e depois desapareceria sem deixar vestígios.

No entanto, o que eu não esperava era que até mesmo a loja de armas não despertou o interesse de Roland. Ele só pegou desinteressadamente uma espada de metal. Mas pensando nisso, além de emitir uma aura das trevas, a espada mágica de Roland também possuía um fio que raramente era visto. Com isso, como ele poderia mostrar interesse em uma espada que poderia ser comprada em uma loja de armas normal?

No final, a loja de sobremesas tomou a maior parte do nosso tempo. Apenas os pirulitos comprados por Rosa pegaram dois sacos grandes e, dos pirulitos de morango, encheram metade de um deles. No final, esperar a torta de morango, que estava quase assada e quente do forno, não nos deixou com tempo suficiente para ir à loja de bonecas.

Antes de voltarmos para casa, Rosa começou a lamentar-se como uma criança mimada.

— Loja de bonecas, vamos à loja de bonecas! Só preciso de uns minutinhos.

Infelizmente, eu disse:

— Vamos lá da próxima vez! O limite de tempo da minha transformação está quase no fim e, se continuar assim, vou ser sugado pela Santa Cota de Malha Dracônica.

— Quem disse que você vai? Você sobreviveu da última vez depois de sangrar um balde inteiro. Você é mais difícil de matar do que uma criatura morta-viva…

Depois de dar a Rosa uma revirada de olhos, não lhe dei mais atenção. Então fui falar com Roland.

— O tempo de hoje não foi suficiente, da próxima vez eu vou levá-lo para lugares mais interessantes.

Roland assentiu.

— Ser capaz de sair já é muito bom.

Não sei se estamos acompanhando Roland ou Rosa hoje… Parece que da próxima vez terei que pensar corretamente sobre aonde levar Roland, para que ele não se sinta entediado.

Depois de me despedir dos dois, mantive meu sorriso de Cavaleiro Sol enquanto caminhava. Como esperado, eu era o centro das atenções, não importava para onde eu fosse, mesmo que fosse uma rua considerada extremamente deserta na cidade. No entanto, a aparência que todo mundo estava me dando parecia um pouco estranha. Será que minhas roupas estavam despenteadas de alguma forma? Eu olhei para baixo e vi um collant preto e uma armadura de prata… Eu tinha esquecido de terminar a transformação!

Não é de admirar que todo mundo estivesse olhando para mim. Com este tipo de apresentação, não importa onde você vá, você será visto como alguém suspeito. O que a pessoa estava pensando quando projetou essa roupa pela primeira vez? Se um assassino se vestisse assim, ele poderia até mesmo realizar um assassinato? Esta roupa é ainda mais atraente do que a minha brilhante armadura de Cavaleiro Sol!

— Meu senhor, vosso servo é uma vestimenta destinada ao movimento noturno. Embora seja muito visível durante o dia, tem um excelente efeito de camuflagem durante a noite.

Fiquei atordoado por um momento, mas logo me lembrei que era a Santa Cota de Malha Dracônica conversando. Eu me consolei murmurando:

— Não é que minha memória seja ruim, mas é que ninguém se acostumaria com suas próprias roupas falando, certo? Santa Cota de Malha Dracônica, se não houver nada de muito importante, por favor não fale. Você me assustou.

— Sim, milorde. Vosso servo não ousará fazê-lo de agora em diante.

Por que me sinto como se eu estivesse bulinando a Santa Cota de Malha Dracônica…? Deixando o assunto de lado por um minuto, primeiro eu precisava encontrar um lugar para terminar a transformação. Se não fizer isso, vou perder uma quantidade absurda de sangue.

Eu olhei ao redor, procurando por um lugar para me transformar de volta. Mas quem diria que eu veria ao longe o Pelotão do Cavaleiro Sol andando na minha direção. Eu rapidamente me escondi em um beco mal iluminado. Esperei até que eles tivessem entrado em uma taverna, depois saído da área mal iluminada e inclinei a cabeça para olhar para o prédio.

Um bom capitão não deveria investigar as questões particulares de seus subordinados… Mas então, sejamos francos, quando é que eu fui um bom capitão?

Depois de racionalizar em minha mente que eu definitivamente não era um bom capitão, encontrei um lugar onde não havia ninguém por perto, rapidamente escalei a parede até o telhado da taverna e então comecei a procurar pelos cavaleiros do meu pelotão. Sem gastar muita energia, encontrei-os na sala privada da taverna. Felizmente, a taverna era feita de madeira, e o barulho criado pelos clientes do lado de fora estava abafado. Isso me permitiu usar minha adaga para cortar um pequeno buraco retangular no telhado sem muito esforço e usá-lo para espionar meu pelotão.

Coloquei meu olho na abertura e, como esperado, vi meus vinte e cinco membros do pelotão sentados em uma mesa comprida. Meu vice-capitão, Adair, estava até sentado no local do anfitrião e na mesa havia um pouco de comida.

Droga, cheira muito bem!

— O que devemos fazer Adair? Não podemos encontrar a chance de realizar nosso plano e atacar!

Atacar? Quem eles vão atacar? — Eu franzi minhas sobrancelhas.

— Devemos informar isso ao capitão? O capitão pode não saber sobre esse assunto…

Adair balançou a cabeça, respondendo:

— De jeito nenhum. Como o capitão já deixou esse assunto em nossas mãos, não importa o que aconteça, ainda temos que fazer isso sozinhos. Não me diga que vocês já esqueceram qual foi o primeiro ensinamento que o capitão nos deu?

Um por um, os membros se entreolharam com um sorriso amargo e depois responderam em união:

— Se eu disser para você pular de um penhasco, você tem que pular. Caso contrário, vou empurrá-lo para baixo e empurrar uma pedra gigante para acompanhá-lo!

Depois que terminaram, os membros do pelotão riram histericamente. Um deles cutucou o camarada ao lado dele, rindo ao dizer:

— Ed, como é a sensação de ser empurrado para baixo de um penhasco e depois ter uma rocha gigante te seguindo?

O membro do pelotão chamado Ed deu um sorriso amargo. Com um suspiro, ele disse:

— À primeira vista, não importa quem seja, o capitão lhes dará um sorriso radiante. Tudo leva a crer que o temperamento do capitão é sempre benevolente e radiante, e mesmo que você pise na cabeça dele duas vezes, ele não ficará zangado. Mas a verdade é que, se você não for humilde o suficiente para deixá-lo pisar em sua cabeça duas vezes, então você está lascado!

— Falou pouco, mas falou bonito! — Os outros membros do pelotão aplaudiram ruidosamente.

Mas que montes de bobagens! Eu não tenho nenhum interesse em pisar na cabeça de outras pessoas! Você se chama Ed, certo? É melhor tomar cuidado, vou lembrar de você!

Naquele momento, Adair disse apressadamente:

— Não fala assim. O capitão ainda é bem legal, é só que ele é mais rigoroso conosco, o Pelotão do Cavaleiro Sol…

Todos os membros do pelotão viraram as cabeças simultaneamente para olhar para Adair.

Adair revelou uma expressão de desamparo e acrescentou:

— E também mais rigoroso com aqueles que o provocam…

Todos levantaram as sobrancelhas em uníssono, como se perguntassem a Adair como ele poderia mentir com a cara mais lavada do mundo, sem sequer mudar sua expressão.

Adair não pôde deixar de admitir:

— Tudo bem, ele também é mais rigoroso com os outros que podem potencialmente provocá-lo no futuro… Mas não importa o que você diga, você não pode refutar o ponto em que o capitão é leal!

— Isso é realmente verdade. — Todos os membros assentiram com a cabeça.

Hehe, felizmente vocês assentiram com a cabeça, se não … Hmph! Na verdade, ousando falar mal de mim pelas minhas costas? É melhor vocês prestarem atenção por onde andam, vou me lembrar disso!

Um membro do pelotão espirrou e depois olhou para a esquerda e para a direita, desconfiado.

— Por que de repente ficou um pouco frio?

— É mesmo, vamos fechar as janelas.

Ed bateu com o punho na mesa e disse desdenhosamente:

— Aquele sujeito, Jacques, nem se atreveu a aceitar o desafio de Adair de duelar com ele no mano a mano. E pensar que ele é um cavaleiro de alta patente!

Jacques… — Eu fiz uma careta — Quem é este cara? Será que ele é inimigo de Adair, então ele queria deixar o Pelotão do Cavaleiro Sol ajudá-lo a se vingar sob o disfarce do meu nome?

— No entanto, Adair, tem certeza de que o capitão sabe que Jacques contratou membros do Monastério do Deus da Guerra para serem seus guardas?

Monastério do Deus da Guerra? — Fiquei momentaneamente atordoado — Não pode ser. Os membros do meu Pelotão do Cavaleiro Sol realmente provocaram o Monastério do Deus da Guerra da Guerra, cuja capital está no país vizinho? Isso é um pouco exagerado.

Adair respondeu um pouco desanimado:

— Não tenho certeza se o capitão está ciente disso. Mas, no caso de ele já ter conhecimento desse fato e ainda assim ter feito o pedido, nós falhamos em cumprir suas ordens, e até o incomodamos com esse assunto…

Espere, o que isso tem a ver comigo? Eu não conheço nenhum sujeito chamado Jacques e definitivamente não pedi nada que pudesse forçar a relação entre nós e o Monastério do Deus da Guerra.

De repente, Ed colocou os braços ao redor da cabeça e gritou:

— Ah! Então eu prefiro lutar até a morte com aqueles caras do Monastério do Deus da Guerra, para evitar ser derrubado pelo Capitão e depois ter uma rocha gigante me acompanhando.

Ouvindo isso, todos começaram a rir. Eles até começaram a se rebelar e vociferar coisas como “vamos acabar com eles”, “vamos fazer picadinho desses malditos e mandar de volta para suas casas numa sacola de mercado”, “vamos estourar as bolas deles no chute” e… calma lá, calma lá! Se eu repetir mais uma vez, até mesmo o Deus da Luz mandará um relâmpago para me matar, para evitar que eu diga quaisquer palavras que possam manchar almas inocentes de crianças pequenas.

Um dos membros do pelotão estava um pouco preocupado.

— Mas, se o capitão não sabe que este assunto está relacionado ao Monastério do Deus da Guerra, então fazer coisas precipitadamente não é muito bom, certo? — Ele disse — Embora tenhamos enfrentado muitos inimigos, tudo foi feito sob a direção do capitão. Se o capitão não tem intenção de provocar o Monastério do Deus da Guerra, então…

— Então todos nós seremos mortos pelo capitão. — Ed respondeu, quase como se quisesse chorar.

Ouvindo isso, todos eles ficaram em silêncio, um por um, e no final todos olharam para seu líder… Claro que não era eu, que estava escondido no telhado, mas Adair. Adair suspirou e disse desanimado:

— É melhor ir perguntar ao capitão. Então, não façam nada ainda.

— Obrigado, Adair!

— Só você pode entender corretamente o que diabos o capitão está falando, sem quaisquer equívocos.

— Se o capitão quiser empurrar você para baixo de um penhasco por causa disso, vamos secretamente salvar você lá em baixo. — Ed confortou-o.

Adair disse severamente:

— Não, não! Se o capitão descobrir que você está fazendo isso, eu morrerei uma morte ainda pior. Por favor, apenas me deixe cair. Se o capitão quiser empurrar uma rocha gigante para baixo, lembre-se de ajudá-lo a empurrá-la rapidamente e escolher a rocha maior e mais pesada.

Os outros membros do pelotão disseram em compreensão:

— Oh! Adair, você com certeza é esperto! Se empurrarmos uma rocha gigante para baixo, o capitão vai ficar com medo de mandá-lo diretamente ao encontro do Deus da Luz, porque depois ele irá curar suas feridas. O capitão pode curar qualquer tipo de lesão instantaneamente.

Adair começou a sorrir, um pouco envergonhado.

Oh! Então, eu ainda não contei aos membros do pelotão que aprendi a técnica de ressuscitar os mortos. Mesmo que tivessem realmente ido ao encontro do Deus da Luz, enquanto as suas cabeças ainda estiverem intactas, eu ainda serei capaz de deixá-los voltar ao mundo dos vivos.

Adair, é melhor você me dar uma boa explicação, hunf!

Deodoro
Tradutor nas horas vagas. Só joga no hard.

1 Comentário

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!