ALdCS – Capítulo 36

Quinto Dever Diário do Cavaleiro Sol: Resolva o Problema de um Colega (Parte 2)

Depois de caminhar de volta para a Igreja e para o meu quarto e depois preparar minha máscara de pele e aplicá-la, ainda não consegui descobrir uma maneira de resolver esse problema. Deitei na minha cama para aplicar minha máscara enquanto continuava a pensar em uma solução…

*Toc!* *Toc!* *Toc!*

Eu quase me esqueci da maldição que ocorre toda vez que aplico a máscara.

Apoiei-me e levantei a voz, dizendo:

— Perdoe a ousadia de perguntar que irmão cavaleiro, sob o sussurro do Deus da Luz, que vem soprar a benevolência do Deus da Luz a este irmão?

A voz profunda de Julgamento veio de fora da porta. Ele disse:

— Sou eu.

— Oh, então entre e não faça rodeios. — Deitei na minha cama preguiçosamente. Tudo bem se fosse o Julgamento, porque ele já tinha ficado chocado algumas vezes com a minha máscara facial.

No momento em que ele entrou e me viu, ele congelou.

Eu olhei para ele e perguntei:

— Rosa é muito melhor que verde, certo?

As sobrancelhas de Julgamento se mexiam para cima e para baixo enquanto ele examinava meu rosto. Finalmente, ele deu sua opinião:

— O verde pode ser chocante de se ver no começo, mas depois de vê-lo por um longo tempo, o rosa parece ser mais repugnante.

— Ah, entendi. Da próxima vez, vou aplicar a máscara de modo que metade do meu rosto fique verde e a outra metade fique rosa, para que você tenha um choque e depois se sinta enojado.

Julgamento riu e balançou a cabeça.

— Como você ainda pode ter tempo para aplicar uma máscara facial? Você deve ter mais do que alguns problemas para resolver. — Ele disse.

Eu cruzei minhas mãos atrás da cabeça e perguntei preguiçosamente:

— O que você quer dizer?

Logicamente falando, o único problema que eu tinha que Julgamento deveria saber era a questão do Adair, a menos que o velho Papa já tivesse lhe contado sobre o Cavaleiro Inferno. Mas, com base na minha compreensão do velho Papa, ele não era uma pessoa tão trabalhadora. Ele não diria algo duas vezes, especialmente a Julgamento, que não estava acostumado a lidar com tais questões, porque não havia sentido em fazê-lo.

— As pessoas do Monastério do Deus da Guerra estão aqui. Não importa qual seja seu objetivo principal, está definitivamente relacionado a expandir sua área de influência e aumentar o número de seus fiéis.

Julgamento olhou para mim, mas imediatamente mudou o olhar. Eu acho que foi porque a máscara facial rosa era realmente muito repugnante.

Ele me lembrou:

— E o recrutamento de crentes é de sua responsabilidade.

— Não precisa me lembrar. Eu ia considerar o problema de recrutar crentes enquanto aplicando a máscara.

— É mesmo? Pois eu acho que você ia dormir. — Julgamento concluiu simplesmente.

Affe, Julgamento me conhece mesmo…

— Tudo bem, então, a fim de me impedir de cair no sono, você vai me acompanhar pensando em uma solução!

Julgamento balançou a cabeça e tirou um pequeno saco de pano branco com um logotipo dourado de Cavaleiro Sol bordado nela.

— Eu não posso fazer isso. — Julgamento disse — Eu ainda tenho alguns criminosos para interrogar e eu só vim aqui para passar os chocolates de mirtilo que Gelo fez para você. Ele disse que se você carregasse isso, não passaria tanta fome novamente.

Caro Gelo! Você serve muito bem para ser uma esposa e mãe. Se você fosse mulher, eu definitivamente me casaria com você!

Sentei-me, peguei o pequeno saco, abri e cheirei o conteúdo. — Ah, que cheiroso!

Depois de cheirar os chocolates, levantei a cabeça apenas para descobrir que Julgamento estava realmente saindo. Eu apressadamente fiz um monte de perguntas.

— O Monastério do Deus da Guerra quer matar Adair. Além do Filho do Deus da Guerra pedir pessoalmente um duelo, ele ainda me usou para ameaçar Adair. Se Adair se recusasse a duelar com ele, ele me desafiaria. — Parei por um momento antes de continuar — Mesmo quando o resultado do duelo estava claro, o Filho do Deus da Guerra ainda queria matar Adair. Ele chegou a impedir que o Pelotão do Cavaleiro Sol o ajudasse. No final, Adair foi salvo por um cavaleiro real, Elijah. O que você pode concluir com essas informações?

Com certeza, ao ouvir isso, Julgamento parou e pensou em silêncio. — Esta é provavelmente uma doença ocupacional de longos anos de interrogar criminosos, certo? Uma vez que ele ouve algo suspeito, ele reflexivamente começa a contemplar a verdade nos bastidores.

Ao ver isso, joguei alguns pedaços de chocolate na boca e deitei na cama. — Eu tenho chocolates de mirtilo do Gelo para comer, uma cama para deitar e uma pessoa para me ajudar a pensar em uma solução para os meus problemas. A vida poderia ficar melhor que isso?

Julgamento abriu a boca lentamente e disse:

— Acho que pode haver uma possibilidade… Sol, acorde!

— Fale mais baixo…

Eu rolei, mas vagamente ouvi uma voz baixa rosnar “Grisia Sol” sílaba por sílaba. — Isso soa como a voz tremendamente grave que Julgamento só usa quando está zangado… — Abri os olhos apressadamente e, no momento em que os abri, vi que o rosto de Julgamento estava tão preto quanto o fundo de uma panela. Chocado, eu imediatamente pulei e gritei:

— Estou acordado! Estou bem acordado!

Julgamento olhou para mim com desconfiança. Eu rapidamente me sentei na cama como um bom aluno, prestando atenção seriamente.

Só então ele estava disposto a continuar falando. Ele disse:

— Eu acho que a razão pela qual eles querem matar Adair tem algo a ver com o fato de você ter aprendido a magia Ressurreição.

— Ressurreição. — Fiquei atordoado por um momento, daí deixei escapar — Como eles descobriram isso?

— Embora o fato de ter aprendido Ressurreição não tenha sido divulgado, a Igreja do Deus da Luz e o Monastério do Deus da Guerra estão muito próximos. As relações entre as duas religiões não são muito boas, por isso não é estranho que ambos tenham plantado alguns espiões no acampamento um do outro para pescar informações.

Ao ouvir isso, eu acenei para mostrar que entendi. Nós também não plantamos um espião, o Inferno, na família real? Até mesmo a família real tinha um espião, então não havia razão para poupar nosso maior rival, o Monastério do Deus da Guerra. Uma vez que a Igreja do Deus da Luz, que defende a benevolência, plantou um espião na família real e muitos outros, o Monastério do Deus da Guerra provavelmente já plantou três espiões demais!

— Eu acho que eles provavelmente queriam matar Adair para confirmar se você realmente aprendeu Ressurreição. — Julgamento fixou os olhos em mim e disse — Embora você tenha dito que aprendeu, ninguém viu você fazer isso ainda. — Ele parou um pouco antes de dizer com um toque de arrependimento — Se você tivesse aprendido antes, poderia usá-lo em seu velho amigo Roland.

Ouvindo isso, eu congelei por um momento e então respondi reflexivamente:

— Isso é impossível! A ressurreição tem muitas limitações. Uma dessas limitações é que deve ser realizada no prazo de oito horas após a morte. Se usada em um corpo que está morto há mais de oito horas, haverá consequências terríveis.

— Que tipo de consequências terríveis?

Fiquei em silêncio por algum tempo antes de responder:

— Depois de reviver… Não! Esse tipo de resultado nem pode ser chamado de ressureição. De qualquer forma, o corpo da pessoa continuará a apodrecer como um cadáver, mas permanecerá “vivo”. Somente quando todo o corpo se decompor ou quando a cabeça for cortada é que a pessoa morrerá.

Ao ouvir isto, Julgamento deixou escapar, alarmado:

— Então não seria como uma criatura morta-viva?

Fiquei em silêncio até ver Julgamento gradualmente se acalmar. Eu então expliquei lentamente:

— Sim. A Ressurreição e a criação de criaturas mortas-vivas são similares em tantos aspectos que podem ser consideradas o mesmo tipo de magia. A diferença é que um é realizado dentro de oito horas após a morte e o outro é usado oito horas após a morte. Além disso, um necromante preservará o cadáver para evitar que se decomponha e controlará o cérebro do cadáver para que ele seja obediente…

— Isso significa que todo necromante sabe como usar a magia Ressurreição? — Julgamento franziu a testa.

— Não. — Eu balancei a cabeça e expliquei — É fácil transformar um cadáver em um fantoche obediente, mas realmente revivê-lo é muito mais difícil. Realizar a magia oito horas após a morte é a condição mais simples. Além disso, é necessária uma habilidade extremamente forte para usar luz sagrada. Este ponto por si só torna impossível para um necromante fazê-lo. Há também a probabilidade de fracasso e o preço de reviver um morto. Em conclusão, só posso dizer que é melhor você não me dar a oportunidade de usar Ressurreição sem uma boa causa, pois eu não posso garantir se você vai ter alguma parte do corpo faltando depois que for revivido, ou pior…

A expressão de Julgamento mudou e ele rosnou:

— Pior? Eu me tornaria uma criatura morta-viva?

Eu respondi honestamente:

— Isso não acontecerá, pois você não se tornará uma criatura morta-viva se reviver dentro de oito horas após a morte. No entanto, em vez de perder algo, você pode ganhar alguma coisa. Por exemplo, você pode criar um par de chifres na cabeça, um rabo no traseiro ou seios grandes, mesmo que seja do sexo masculino. Uma mulher pode ganhar um seio a mais…

— Basta! — Julgamento respirou fundo e balançou a cabeça, dizendo — Esta Ressurreição parece ser muito imprevisível.

Eu balancei a cabeça e respondi:

— Claro. Se reviver fosse fácil, quem não estaria disposto a morrer? Além disso, todo mundo diz que o Papa não sabe como usar a magia Ressurreição, mas não é que ele não possa fazê-lo, apenas que a probabilidade de um reavivamento completo é muito baixa. É tão baixo que ele não ousa lançar a magia, porque pode haver alguns efeitos colaterais…

— Reavivamento completo? — Julgamento perguntou.

— É uma ressureição sem efeitos colaterais. — Suspirei e continuei — A probabilidade de eu conseguir um reavivamento completo é de aproximadamente um em cada quatro. Isso é suficiente para deixar o velho Papa extremamente ciumento. Ele disse que esta é a maior probabilidade de um reavivamento completo que qualquer pessoa conseguiu nos últimos quinhentos anos.

Julgamento assentiu para mostrar seu entendimento, depois continuou a deduzir:

— O Monastério do Deus da Guerra teme que, uma vez que você tenha dominado a Ressurreição, os líderes de todos os países mudem a religião do país e adorem o Deus da Luz. Isso porque, com a sua magia Ressurreição, eles não precisariam mais temer a morte.

Eu balancei a cabeça e disse:

— Então eles entenderam mal. A Ressurreição não tem absolutamente nenhum efeito sobre aqueles que morreram de velhice ou doença. As pessoas que morreram de velhice morrerão imediatamente após o reavivamento, já que elas atingiram a hora da morte. O mesmo vale para aqueles que morrerem de doença. Mesmo que sejam ressuscitados, sua doença não será curada e eles morrerão novamente. Aqueles que temem ser mortos ou temem morrer de doença devem contratar mais alguns cavaleiros, clérigos e curandeiros, pois proteger-se oferece mais esperança do que reavivamento.

— Você está certo. — Julgamento balançou a cabeça, mas depois me lembrou — Mas se até mesmo eu não sabia das consequências dessa magia, quiçá o Monastério do Deus da Guerra?

Ao ouvir isso, fiquei em silêncio. Pelo menos um dos mistérios foi resolvido agora. A razão pela qual o Monastério do Deus da Guerra queria matar Adair era confirmar se eu realmente havia dominado a ressurreição. Eu sinto que, ao entender a verdade da questão, em vez de resolver meus problemas, eu agora tinha um problema extra a ser resolvido.

Como posso deixar todo mundo saber que a magia Ressurreição não é tão útil quanto parece ser? Se não, algum dia, quando algumas pessoas influentes morrerem e todos se reunirem para mim em busca de reavivamento, o que acontecerá com meus dias de paz?

Julgamento continuou:

— Quanto à questão de Elijah salvar Adair, a reputação de Elijah não é ruim, então ele provavelmente agiu com a justiça em mente.

— Você conhece Elijah? — Eu perguntei curiosamente. — Por que tantas pessoas conhecem essa pessoa! Ele é mesmo tão famoso?

Julgamento assentiu.

Elijah tem uma reputação muito boa entre os cavaleiros reais, além de ter amigos em todos os lugares, incluindo muitos cavaleiros sagrados. Eu não o conheço pessoalmente, mas alguns membros do meu Pelotão do Cavaleiro Julgamento estão familiarizados com ele. Porém… — De repente Julgamento parou de falar para me olhar por um momento antes de continuar — Falando nisso, o seu Pelotão do Cavaleiro Sol parece estar muito próximo de Elijah. Por isso, o fato de ele ter tomado medidas para resgatar Adair não é uma façanha tão estranha.

— Por que meu Pelotão do Cavaleiro Sol está tão perto de um cavaleiro real?! — Eu gritei, um pouco insatisfeito. Embora o príncipe herdeiro, o verdadeiro líder da família real, e eu, seu líder, estivéssemos em desacordo, eles correram para se tornarem bons amigos de seus subordinados.

Julgamento abriu a boca devagar e respondeu à minha pergunta com uma pergunta:

— Eu deveria ser eu a perguntar isso, capitão do Pelotão do Cavaleiro Sol?

Okay, fiquei sem saber o que dizer… mas ainda assim pensei rapidamente e disse:

— Deixe-me ir perguntar a Adair…

Julgamento imediatamente me cortou no talo e me repreendeu, dizendo:

— Adair é muito obediente a você e tem descansado todo esse tempo. Sendo assim, então você, o capitão, deve pelo menos assumir as responsabilidades que eram originalmente suas enquanto ele está se recuperando!

Não acredito. Eu realmente fui repreendido por Julgamento. Tudo isto é culpa do… Monastério do Deus da Guerra.

Um pouco irritado, eu disse:

— Ok, ok! Eu vou perguntar a outra pessoa agora.

Imediatamente depois que eu disse isso, eu pulei da cama, arrumei minhas roupas e estava prestes a abrir a porta para sair…

— Sol!

Irritado, me virei e perguntei:

— O que é agora? Eu já disse que não vou pedir nada a Adair.

— Você não lavou seu rosto…

Deodoro
Tradutor nas horas vagas. Só joga no hard.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!