API – Capítulo 278

O.D.D.

— Espere aqui. — Kieran disse a Schmidt quando viu o centro de recuperação envolto em uma névoa fina.

[Conhecimento Místico] permitiu a Kieran saber a formação completa da névoa. Quando a energia negativa concentrada era acumulada até um certo ponto, a energia assumia a forma de uma névoa.

Era uma cena bastante comum em cemitérios e locais abandonados nas montanhas. No entanto, quando algo assim acontecia em um centro de recuperação fora da cidade, só existia uma explicação. Todos no centro de recuperação estavam mortos! Não importa o que tenha causado a morte das pessoas dentro do centro de recuperação, não era algo a ser subestimado.

Kieran tirou sua mochila grande e amarrou a caixa com o [Discurso Arrogante] nas costas. Depois de pegar alguns itens essenciais da mochila, saiu do Picard.

— Não acenda as luzes. Vá com o carro até o cruzamento de onde viemos e me espere lá até eu voltar… Por favor, certifique-se de que sou eu antes de abrir a porta! — Kieran avisou Schmidt.

Schmidt sinalizou que entendeu e depois pegou uma garrafa cheia de algum tipo de pó e começou a espalhar por todo o carro. Kieran não ficou surpreso. Depois de entrar em contato com o sobrenatural e se tornar o responsável por esses casos, seria estranho se Schmidt não tivesse algum método de autodefesa.

Kieran viu o carro ligar e voltar para o cruzamento a cerca de 300 metros, onde estava localizada a placa “Centro de Recuperação Gordon”. Então ele se virou e entrou.

O crepúsculo desapareceu depois de um tempo, e a escuridão encobriu o céu quando a lua começou a brilhar. A névoa fina ao redor do centro de recuperação parecia mais espessa depois que a lua apareceu no céu.

O centro de recuperação estava totalmente silencioso no momento. Até o vento ao seu redor parou de soprar.

No entanto, a névoa espessa parecia estar se movendo sozinha, sem que o vento a empurrasse. Ela se juntou lentamente ao redor de Kieran, como se uma grande mão estivesse tentando esmagá-lo. Quando a névoa entrou em contato com o corpo de Kieran, ela rapidamente se dispersou e voltou à sua forma normal.

[Corrosão de Energia Negativa: jogador tem Corpo do Mal, Corrosão de Energia Negativa de baixo nível ineficaz…]

A névoa de energia negativa é a primeira linha de defesa? — Kieran viu a notificação em sua visão e desamparadamente diminuiu os passos. Ele ficou ainda mais cuidadoso quando começou a andar novamente.

Não importava qual era o objetivo do assassino que matou todos no centro de recuperação, Kieran acreditava que, se realmente quisesse alcançar esse objetivo, o assassino não teria apenas uma linha de defesa. Provavelmente tinha ainda mais esperando por ele!

Kieran estava se movendo lentamente através da sombra do prédio sob a luz da lua. Ele caminhou cuidadosamente por um grande campo de grama e passou por uma fonte morta com água parada. Finalmente, ele chegou à entrada do centro de recuperação.

Não teve uma única emboscada durante sua curta caminhada até lá.

Uma porta de vidro com arame farpado que estava trancada por dentro estava bloqueando seu caminho.

Não era um obstáculo para Kieran. Após uma verificação rápida, ele facilmente abriu a porta com a [Chave do Enganador]. Ele abriu a porta de vidro e entrou com um movimento rápido. Enquanto Kieran estava escondido nas sombras, examinou o corredor diante dele. Para ser mais preciso, ele estava olhando para a recepção principal.

O balcão da recepção não era grande, mas também não era pequeno. Era o suficiente para três homens ficarem lado a lado atrás dele, e era dividido em duas partes: inferior e superior. A parte superior tinha um botão de campainha elétrica e dois telefones rotulados como linha interna e externa. Obviamente, era usado para os visitantes.

A parte inferior era alta o suficiente para uma pessoa apoiar os braços confortavelmente sobre ela depois de se sentar na cadeira. Havia alguns papéis de registro, canetas, alfinetes e uma tesoura, usados pela equipe do centro de recuperação.

Tinha também um saco aberto de batatas fritas com sabor churrasco.

Uma grande placa atrás do balcão da recepção dizia: “Centro de Recuperação Gordon, Fazendo você se sentir em casa”. Ao lado, tinha um pôster de uma enfermeira aparentemente doce e sorridente.

Na escuridão, esse pôster, que deveria ser inspirador, parecia assustador e macabro.

Kieran olhou por cima do balcão, mas não sentiu nada de perturbador. Os acontecimentos pelos quais Kieran passou o tornaram imune a certas coisas.

Graças à sua [Furtividade] Transcendente, as sombras o faziam se sentir calmo e pacífico. A escuridão não era motivo para ele ter medo. Muito pelo contrário, isso proporcionou uma sensação de segurança que Kieran conhecia muito bem.

Seu olhos não paravam enquanto ele olhava rapidamente para todas as direções. Finalmente encontrou o que procurava. No lado esquerdo do corredor, próximo ao balcão de recepção, estava a planta do centro de recuperação.

De acordo com a planta, o Centro de Recuperação Gordon foi dividido em três partes principais que formaram uma estrutura “H”. No meio ficava o salão principal de recepção, a sala de controle e os aposentos dos médicos e enfermeiras.

O prédio à esquerda era a enfermaria, sala de atividades e a sala médica. À direita, a cantina, a lavanderia e uma porta lateral que dava para o estacionamento.

De fato, de acordo com Schmidt, o centro de recuperação planejava construir uma sala de hidroterapia, mas, devido à falta de orçamento, foi transformado em estacionamento.

Você não pode pedir muito. Este centro de recuperação sobreviveu unicamente de doações.

Kieran até se lembrou da expressão de zombaria no rosto de Schmidt quando disse essas palavras. Obviamente, poderia-se refletir sobre a palavra “doações”, mas isso ainda não havia impedido o Centro de Recuperação Gordon de ganhar a confiança do povo.

Pessoas como Louver, que foram amaldiçoadas com doenças mentais, eram enviadas para lá. O local era uma escolha de primeira classe.

Louver ficava na ala esquerda. Sala 202… Hein?

Recordando a descrição de Schmidt, Kieran foi para a esquerda. Depois de dar um passo nessa direção, ele parou imediatamente. O corredor da ala esquerda estava fechado, não com uma porta de vidro com arame farpado, mas com duas portas simples de ferro.

De onde Kieran estava, ele podia ver que a primeira porta de ferro era uma porta de vedação dobrável, e a segunda era uma porta de ferro sólida com uma pequena janela de ferro ao nível dos olhos.

No entanto, as portas trancadas não eram a razão pela qual Kieran parou. Seus olhos estavam olhando para a grossa janela de vidro, ou, para ser mais preciso, para a pessoa atrás dela.

Era uma garotinha com longos cabelos loiros e um par de olhos azul-marinhos. Ela parecia ter entre cinco e seis anos de idade. Sua pele era tão clara que parecia brilhar um pouco na escuridão.

A vibração que ela transmitia parecia pura e santa. A mente de Kieran inconscientemente se encheu de palavras para descrever a garotinha.

A garotinha abriu a boca, como se quisesse dizer algo para ele, mas em meio ao silêncio mortal, ela não podia pronunciar uma única palavra.

Quando a menininha percebeu que Kieran não podia ouvir o que ela disse, ficou ansiosa. Enquanto isso, ela continuava olhando para trás, como se algo a estivesse perseguindo, e olhando para a fechadura da porta de ferro.

— Você quer que eu abra a porta? — Kieran perguntou.

A garota assentiu violentamente e depois se virou, olhando ansiosamente para trás, como se a coisa que a perseguia estivesse se aproximando.

— Tudo bem. — Kieran assentiu com uma súbita realização.

No momento seguinte, ele deu um chute forte atrás dele, sem sequer virar a cabeça.

Um monstro enorme com dentes ferozes e uma boca ensanguentada em roupa de enfermeira apareceu atrás dele.

O chute de Kieran acertou no abdômen do monstro.

*Bang!*

Erudhir
"Se olhar ao redor e não souber quem é o alvo, então o alvo é você."

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!