API – Capítulo 287

O segredo oculto

O grito ecoou no terceiro andar superior, mas já era tarde demais.

A espada larga vermelha escura fez uma abertura no convés inferior muito rápido, como se estivesse cortando tofu. Kieran pulou pela abertura, segurando um Schmidt inconsciente nas mãos.

Ele jogou Schmidt para o lado, agarrou [Discurso Arrogante] com força e correu em direção aos recipientes demoníacos.

Pouco antes de [Discurso Arrogante] colidir com os recipientes demoníacos, Kieran deu um passo à frente e segurou firmemente o punho da espada larga. A espada larga girou para baixo e virou na horizontal. Os passos deslocados de Kieran permitiram que ele girasse, seguindo a grande espada enquanto canalizava toda sua força para girá-la.

Quando a força centrífuga se transformou em inércia, [Discurso Arrogante] se tornou uma máquina de cortar giratória, carregando o corpo de Kieran. Seus alvos estavam por toda parte, então Kieran nem precisou mirar corretamente.

[Discurso Arrogante] podia não causar dano suficiente em um demônio, mas era um desastre para os recipientes demoníacos. Seu corte giratório derrubou os recipientes demoníacos, um após o outro, fazendo-os cair em uma poça de seu próprio sangue.

O demônio havia concedido aos corpos um poder místico extraordinário, mas tal poder místico se originava dos próprios demônios. Os recipientes mal eram mais fortes do que seus eus anteriores.

Um após o outro, os recipientes demoníacos morreram e os tentáculos materializados começaram a se desintegrar. As aranhas venenosas que foram bloqueadas pelos tentáculos enxamearam rapidamente os recipientes demoníacos restantes assim que os tentáculos saíram de seu caminho.

Elas abriram suas bocas afiadas e atacaram seus inimigos, suas glândulas venenosas cuspiam veneno toda vez que os mordiam. A vantagem que os demônios tiveram um momento atrás havia sido completamente destruída.

— 2567! — O homem por trás dos demônios gritou furiosamente. Seus olhos se arregalaram enquanto encarava Kieran, mas não fez nenhum movimento.

O círculo mágico diante dele estava prestes a ser completado. Ele tinha que terminar o círculo. Caso contrário, tudo o que havia feito seria em vão.

— LOUVER! — Ele gritou.

Louver, que estava lutando como um boneco controlado graças ao poder demoníaco, estremeceu violentamente.

Os grandes tentáculos de repente se dissiparam no ar, transformando-se em partículas de poeira e penetrando no corpo de Louver. Seus olhos ficaram instantaneamente pretos.

Então ele deu um corte com sua lâmina a uma velocidade tão rápida que poderia até arranhar o céu noturno.

Um brilho da lâmina de Louver decapitou pelo menos uma dúzia de aranhas venenosas ao seu redor. Embora não fosse a primeira vez que Kieran via a técnica da lâmina, ele ainda estava admirado.

De repente, Schmidt recuperou a consciência. Ele estava confuso sobre o que realmente aconteceu. Ele se lembrou de ouvir um som alto e estranho e depois desmaiar.

— O que aconteceu, 2567? — Schmidt perguntou quando viu Kieran parado diante dele e se defendendo das aranhas.

— Segui sua trilha e te encontrei. Algum desgraçado fez com que você desmaiasse! — Kieran explicou enquanto balançava [Discurso Arrogante] para a frente, produzindo um vento forte que soprava a maioria das aranhas venenosas. As aranhas mais próximas de Kieran foram esmagadas pelo vento violento.

— A julgar pela sua força, você deve ser o verdadeiro 2567. — Schmidt ainda se lembrava de ter encontrado um Kieran falso.

— Sim, acho que você também é o real. — Kieran assentiu.

Schmidt percebeu que Kieran havia passado por um encontro semelhante ao dele. Ele voltou sua atenção para o homem que desenhou o círculo mágico na cabine do capitão e o encarou ferozmente.

— Esse é o desgraçado? — Schmidt perguntou enquanto sacava a arma.

— O cara por trás do Centro de Recuperação Gordon, que nos enganou usando os demônios. Sim, o próprio. Mas não foi ele quem te fez desmaiar. Se eu fosse você, não me vingaria agora. — Kieran respondeu, lembrando Schmidt de suas prioridades.

Schmidt olhou para Kieran. Ele pareceu intrigado a princípio, mas logo entendeu o que Kieran queria dizer.

Um barulho alto, semelhante a um ferreiro martelando um pedaço de ferro, foi ouvido repentinamente em meio à cena caótica no convés superior. Comparado com o barulho feito pelo grupo de aranhas menores, este de agora era menos concentrado e mais alto.

De repente, uma cabeça do tamanho de uma bola de futebol surgiu do convés inferior, chegando ao lado do demônio.

— Isso… Isso… — Schmidt gaguejou quando viu a cabeça, respirando frio, impotente.

Era a cabeça de uma aranha. Se sua cabeça era do tamanho de uma bola de futebol, qual era o tamanho do seu corpo? Logo, todos no terceiro andar descobriram a resposta para essa pergunta.

A aranha era do tamanho de um carro.

A aparência da aranha gigantesca atraiu a atenção de todos. Até os recipientes demoníacos se assustaram instintivamente.

Em pânico, os recipientes atacaram a gigantesca aranha.

*Bang!*

Um tentáculo grande e forte bateu contra a enorme aranha, mas ricocheteou de volta logo em seguida. Sem nenhum arranhão no corpo, a aranha saltou em direção aos recipientes demoníacos.

A aranha gigantesca pousou em cima dos recipientes demoníacos e abriu a boca. Uma força de sucção escura começou a sugar as almas de suas vítimas. As almas translúcidas foram sugadas, uma após a outra, enquanto os recipientes lamentavam em desespero.

— Almas? Essas são almas, né? Por que diabos tem uma aranha gigante sugando as almas das pessoas? De onde caralhos ela veio? — Schmidt assistiu a cena em choque. Os olhos de Kieran estavam arregalados e sua boca aberta.

Ninguém pensaria que o monstro escondido no Sol de Maria seria uma Aranha Demônio do Inferno, um dos senhores do Inferno. De acordo com as lendas mundiais das masmorras, uma Aranha Demônio do Inferno era poderosa o suficiente para devorar divindades celestiais.

Tais histórias apareceram mais de uma vez nos livros que Kieran leu.

— Aranha Demônio do Inferno? O que ela está fazendo aqui? Eu pensei que as Aranhas Demônio do Inferno haviam desaparecido após a Queda dos Deuses. Mesmo que houvesse alguns ovos por perto, sem o terreno fértil necessário, que é o rio de enxofre do Inferno, eles não poderiam ter eclodido…

— Espera. Havia aquele misterioso Ovo Michigi na lista.

— Kieran de repente conectou os pontos. Enquanto observava a Aranha Demônio do Inferno devorando as almas, ele percebeu algo.

Tudo começou a se conectar e formar uma imagem completa na mente de Kieran.

A lista foi encontrada na sede da Sociedade Amaldiçoada. A razão pela qual Louver assaltou e roubou a Sociedade Amaldiçoada foi porque eles também estavam de olho no Sol de Maria. Isso faz sentido. Uma balsa luxuosa que desapareceu 124 anos atrás reapareceu repentinamente. Seria estranho se não atraísse a atenção dos místicos! A influência e a força da Sociedade Amaldiçoada impediram a participação de outras facções, mas não a pessoa por trás dos demônios, que já havia posto os olhos no Sol de Maria. A aparição do Sol de Maria poderia até ter sido por causa do homem. Caso contrário, por que caralhos apareceria na Costa Oeste? Afinal, o mundo é um lugar enorme! — Kieran entendeu mais coisas quando tudo ficou esclarecido, incluindo o mistério do próprio Sol de Maria.

— Entendi! — Kieran respirou fundo. Todos os pedaços quebrados da história por trás do Sol de Maria começaram a se encaixar.

A balsa luxuosa carregava comerciantes e nobres ricos. Uma nota sobre um Rubi Puro, uma Tiara da Rainha Sangrenta, um Ovo Michigi e um manuscrito Fantos foi encontrado. O misterioso Ovo Michigi era nada menos que um ovo de Aranha Demônio do Inferno.

Embora as pessoas naquela época não soubessem que era um ovo de Aranha Demônio do Inferno, ainda sabiam que era um item valioso, já que estava registrado na nota.

Além disso, o que Kieran tinha visto naquela nota era apenas parte de um todo. A maior parte estava borrada, mas, a julgar pelo número de linhas, havia pelo menos uma dúzia de objetos de valor na nota.

Então, a pergunta era: o que uma dúzia de objetos de valor estava fazendo em uma balsa de luxo, transportando comerciantes e nobres ricos?

A resposta era óbvia. Iria ter um leilão!

Kieran não conseguiu mais pensar em respostas.

A aparição da Aranha Demônio do Inferno lhe permitiu entender mais sobre o desaparecimento do Sol de Maria um século atrás. No entanto, a pergunta de um milhão de reais diante de Kieran era a seguinte: como ele lidaria com um monstro que saiu de uma lenda?

Quando todas as almas foram sugadas, os olhos verdes da Aranha Demônio do Inferno começaram a procurar outras presas.

As palmas das mãos de Kieran estavam suadas enquanto ele apertava ainda mais [Discurso Arrogante]!

Erudhir
"Se olhar ao redor e não souber quem é o alvo, então o alvo é você."

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!