CdMD – Capítulo 33

Bruxa Branca – parte 4

A nuvem negra aparecia do chão e começava a atacar as forças especiais se aproximando da Bruxa.

— Não deixem aquela fumaça preta tocar em vocês!

As forças especiais que foram tratados com transplante ciborgue se moveram rapidamente em direção à Bruxa. Eles estavam armados com armas disruptoras de prótons especializadas em lidar com monstros tipo espectros e elas podiam ferir monstros tipo aliens também.

*Shank!*

Conforme a Bruxa era cortada com uma espada irradiando uma energia branca que desintegrava tudo que tocava, ela não gritou, mas  riu.

— Isso faz cócegas, seus idiotas!

*Crack!*

Ela colidiu sua mão direita em cima de um soldado e o homem foi esmagado como uma lata vazia.

Todas os membros das forças especiais ficaram atônitos. A Bruxa esmagou um ciborgue cujo corpo era mais duro que aço!

— A espada disruptora de prótons não funciona nela!

— Não! Ela deve funcionar! Continue atacando!

O lado da Bruxa foi cortado e havia um pó branco caindo dela.

A densidade dimensional dela é densa demais.

As armas disruptoras de prótons eram construídas pelos Armígeros a fim de lidar com monstros de outras dimensões. Espectros de baixo nível seriam destruídos assim que tocassem ela.

Entretanto, a Bruxa não era tão facilmente destruída. Espectros mais fortes tinham controle melhor de dimensões diferentes.

É forte demais. Ela não deveria cair tão facilmente com ataques normais.

A protótipo era muito mais forte do que Zin esperava.

A Bruxa foi capaz de ativar o PCM, a fonte de monstros e invocar tantos quanto queria. Ela também era imune a ataques físicos e podia atacar os espíritos de seus inimigos diretamente.

É a primeira vez desde lebtoqizra que eu tenho que lidar com um maligno desses.

Zin estava ficando enjoado só de pensar sobre o líder desagradável dos aliens. Apesar da Bruxa ter um tamanho menor, ela tinha vigor enorme. Zin pegou o cartucho, mordeu seu dedo e aplicou se sangue no cartucho.

[Aviso: Sangramento. Obscuridade perdida]

Era um método primitivo, mas o sangue de um maligno podia ser usado para lidar com outros malignos, similar como a Cavaalma era usada para lidar com malignos.

Caçadores de malignos bebiam o sangue de malignos e o sangue deles era misturado com diferentes tipos de sangue maligno. Dessa forma, o sangue de um caçador de malignos era eficaz em lidar com malignos. Zin aumentou a efetividade do cartucho ao sacrificar uma certa quantidade de obscuridade.

*Click!*

Assim que Zin carregou o fuzil, esperou. Havia apenas duas munições para o fuzil de 20mm. Acima disso, seu sangue de caçador de malignos foi aplicado. Seria um problema se a Bruxa não fosse morta com um único tiro.

Zin observou a Bruxa de cabelo cinza massacrar as forças especiais. Ela ria como uma mulher louca e ridicularizava os soldados morrendo. Dentro das muralhas internas da fortaleza, os monstros continuavam a atacar.

Mesmo que a fortaleza devesse ser indestrutível, ela estava sob ataque por dentro.

A Bruxa estava se certificando da vitória e continuava massacrando os ciborgues. A Bruxa maluca não estava ciente do caçador de malignos que estava esperando para matar ela no momento certo. Zin permaneceu absolutamente parado para usar o momento certo a fim de matar a Bruxa com um único tiro.

Coreia-Antiga era uma área remota para monstros e uma área relativamente incivilizada. Maioria das pessoas não sabia sobre armas, e a maioria dos monstros eram do tipo varredores de corpos. No continente principal, muitas pessoas não sabiam da existência dessa área, já que a península coreana caiu em invisibilidade histórica desde o apocalipse.

Isso também significava que as pessoas e caçadores na Coreia-Antiga não estavam equipados apropriadamente.

*Kaboom!*

Mas isso certamente não era verdade para a fortaleza e a organização Armígero. Mesmo que fosse uma área remota, monstros de alto nível apareciam neste PCM. Similar com Moscou e Beijing, monstros horrendos apareciam no PCM de Seoul.

As forças especiais da fortaleza Armígero eram soldados altamente habilidosos, assim como em outras áreas do continente. Não havia muita diferença de poder de fogo Armígero entre divisões diferentes. Armígero e os homens de Moscou podem ter tipos de armamentos diferentes, mas não havia muita diferença em nível do conjunto de habilidades e experiência. Isso significava que eles eram igualmente fortes.

Mas as coisas não pareciam muito promissoras no momento.

O inimigo era uma arma secreta desenvolvida pelo Armígero e era um monstro que possuía o poder de múltiplos malignos.

Metade das forças especiais foi esmagada.

[Como o terceiro comandante na linha, segundo tenente Oldyshe foi MEC, subtenente Ramphil está no comando efetivo imediatamente! Todos sigam suas ordens!]

De volta no quartel-general deles, oficial Ramphil deu ordens.

— Todos, se afastem a cem metros do alvo.

Morte era parte da batalha e mudanças em comando aconteciam frequentemente. Mas era pouco usual para o comandante, o segundo e o terceiro em comando serem mortos na mesma batalha.

Assim que Ramphil deu sua ordem, todas as forças se afastaram da Bruxa de cabelo cinza. Oficial Ramphil recuperou todas as espadas dos soldados caídos e as conectou em uma linha.

*Vwooom!*

As espadas disruptoras podiam ser conectadas para aumentar o nível de poder delas.

O quartel-general decidiu chamar o alvo de “Bruxa Branca”.

Entretanto, isso não importava para Ramphil. Não importava como o alvo fosse chamado, ele tinha que lidar com ele.

— Neste momento, todas as forças recuem para a muralha interna e apoiem a batalha dentro do PCM.

Todos os soldados ficaram chocados com suas ordens.

— O comandante vai lidar com a Bruxa Branca sozinho. Todos, vão embora.

Armígero operava do topo para baixo. Todos não conseguiam entender o motivo de Ramphil dar tais ordens, mas eles começaram a se mover agilmente.

Todos os homens recuaram e a Bruxa Branca riu dos soldados fugindo, antes de seu rosto endurecer de repente.

— O quê, você está tentando bancar o herói?

*Bam!*

O chão explodiu e uma nuvem preta explodiu do chão. Ramphil evitou a explosão e se aproximou da Bruxa. Apesar dele ter a gradução de subtenente, ele parecia muito jovem, tendo só vinte anos de idade. A Bruxa estava irada, mas não perdeu sua calma. Enquanto estava confinada no laboratório Armígero, ela aprendeu o sistema de comando Armígero. Com sua audição avançada, ela ouviu que o jovem era um subtenente. Tal gradução alta não era dada para um jovem comum.

*Whoosh!*

Antes dela perceber o que estava acontecendo, Ramphil foi em direção a ela com sua espada disruptora de prótons multiconectado e perfurou-a.

*Vwwwoom!*

— Ack! —

No breve momento em que a Bruxa foi perfurada no coração, ela pulou direto para cima usando seus pés-tentáculos. A Bruxa estava grandemente chocada, cerrando seus dentes em alarme e fúria.

Mas não tinha acabado. Ramphil jogou uma espada que estava em suas vestes em direção à Bruxa.

*Zap!*

E ao mesmo tempo, ele atirou com uma pistola laser.

*Kaboom!*

A espada explodiu no meio do ar e a onda explosiva acertou a Bruxa.

— Aaaaack!

A Bruxa foi acertada diretamente pela onda, e caiu no chão com força, levantando lentamente. Ramphil olhou para a Bruxa e lentamente andou até ela.

— Você não parece ser detal-orientada para alguém forte assim.

— Ng… ahh…

Ramphil checou a espada conectada como se a testasse. Um soldado Armígero que foi despachado para uma área rural não era fraco.

Ramphil avançou em direção a Bruxa que estava tentando se recuperar.

O número de humanos tinha diminuído dramaticamente, mas gênios ainda nasciam.

— Aaaaargggggh!

*Swooom!*

Dúzias de tentáculos se espalharam das mãos da Bruxa para atacar Ramphil, mas o ele evitou todos os tentáculos com movimentos ágeis e continuou avançando em direção à Bruxa.

*Shank!* *Shank!*

Em uma fração de segundo, ele cortou a Bruxa com a espada disruptora de prótons. A Bruxa tentou fugir, mas Ramphil a seguiu e não parou de atacar. Três vezes, quatro vezes, cinco vezes…

Quando a Bruxa recebeu dez ataques consecutivos, ela estava em choque completo e recuou para o topo da muralha usando seus tentáculos.

O maligno fugiu!

Ramphil olhou para a Bruxa vários metros acima dele.

Ele foi enviado ao campo de batalha com 17 anos e se tornou um subtenente, a graduação mais alta para um combatente alistado, com 21 anos. Promoções rápidas assim não eram comuns.

Entretanto, pessoas que assistiam ele no campo de batalha não conseguiam entender como ele era tão complacente e satisfeito com a graduação de subtenente.

Mesmo antes dele receber o procedimento Megaestrutura, Ramphil tinha se deparado com uma situação onde todo o esquadrão foi aniquilado e ele sozinho destruiu um grupo de monstros nível AA com um único sabre de laser.

Quando os reforços chegaram, Ramphil estava parado calmo sem um arranhão em um campo cheio com cadáveres de monstros. Ele não era diferente agora, enquanto encarava a Bruxa Branca, possivelmente o monstro mais poderoso no mundo agora.

Seus olhos ainda parados como um lago e ele estava muito calmo sem medo algum. Todo mundo na PCMS dizia que ele teria sido promovido a comandante sênior se não fosse um lobo solitário.

Ele ordenou os soldados recuarem não porque estava preocupado com a queda da fortaleza, ele o fez porque lutar junto com eles era uma distração. Ramphil não demonstrou qualquer raiva ou medo enquanto olhava para a Bruxa. Ela sentiu um medo rastejando enquanto olhava para o humano que parecia menos humano que ela…

Que tipo de homem ele é…

— !

*Fwoot!*

Conforme Ramphil alcançava a Bruxa, ele balançou a espada mais uma vez. A espada disruptora de prótons não tinha poder físico.

Ela não podia defender contra poder físico, mas era igualmente quase impossível de se defender.

*Shank!*

— Aaaaack!

A Bruxa foi cortada novamente e sentiu seu corpo ficar fraco. Ela sabia que seria destruída desse jeito. A Bruxa era capaz de aguentar múltiplos ataques de uma espada disruptora de prótons que podia destruir espectros fracos, mas ela iria eventualmente morrer se recebesse ataques demais.

Ramphil persistentemente seguia a Bruxa. Se a Bruxa pulasse, ele jogava a espada e a explodia como uma granada. Se a Bruxa ficasse no chão, ele a perseguia com velocidade tremenda. Ramphil falava enquanto se aproximava e atacava a Bruxa a queima roupa.

— Lenta.

*Vwoom!*

— Irracional.

*Shank!*

— Tediosa.

*Whoosh!*

— Desajeitada.

*Crack!*

— Aaargggh! — A Bruxa foi jogada no ar fora da muralha, enquanto três espadas vinham em sua direção.

*Flash!*

As espadas explodiram com um tiro de pistola.

*Kaboom!*

— Kyyaaaaaaarck!

— Eu te elogio pelo seu nível de vigor.

Conforme Ramphil ridicularizava a Bruxa com desdém, ele permanecia tão calmo que parecia irreal.

Worst
Worst, filho da Música, casado com os Livros, tradutor de DS, CdMD e ASdCZ, ?% Engenheiro, 1 dos 3

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!