DS – Capítulo 220

O crescente bater dos tambores animados fica mais alto e depois de alguns minutos, eu sinto o início de uma bela dor de cabeça. Suspirando, eu falo alto, — Qual é a dessa demora toda? Eles já estão atrasados para defender a cidade deles e ainda eles vem arrastando os pés. Para que todo esse espetáculo? Eu fico feliz com os reforços, mas nossas pessoas precisam descansar.

A minha esquerda, XinYue dá de ombros em desculpas, mas não fala, sua expressão de simpatia resignada. Um homem gordo, de armadura a esquerda de XinYue bufa alto, não se incomodando em olhar para mim enquanto responde. — A Coalizão dos Planaltos Dourados vão chegar exatamente quando eles quiserem e nenhum minuto mais cedo. Se você não tem paciência e modos para esperar com graça, então vá embora. Sua presença não é necessária nem pedida. 

Huh. Aí está a gratidão hein. Em um raro momento de premeditação, eu estudo o falante antes de responder. Sua armadura chique e capa esvoaçante marcam ele como um homem de fama ou patente, provavelmente ambos, enquanto sua atitude grita presunção arrogante. Com suas mãos nas costas, peito estufado e nariz comicamente empinado, ele é quase uma caricatura de um nobre arrogante. Posso muito bem ser educado então, cortesia não custa nada, certo? Com uma saudação militar, eu cumprimento o gordinho com meu sorriso mais vencedor. — Me desculpe, nós ainda não fomos apresentados. Eu sou o Subtenente Falling Rain dos Bekhai e você é?

Eu não deveria ter feito isso. Minha pergunta educada me ganha um olhar venenoso e as risadinhas de Argat e Jochi atrás de mim não ajudam. Com olhos arregalados e o bigode tremendo levemente, o gordinho inala levemente e exala com barulho, a cor de seu rosto passa por vários tons de vermelho. Congelado estranhamente no lugar, eu pondero sobre qual erro social exatamente eu cometi enquanto tento silenciosamente fazer com que os dois idiotas calem a boca. 

Vindo ao meu resgate, XinYue vem a frente, não exatamente entre mim e o gordinho, mas perto o bastante. — Ah, minhas mais humildes desculpas pela introdução atrasada. Subtenente Falling Rain, eu poderia ter a honra de te introduzir ao Major Chun Yimu, o oficial comandante. — Um comentário adicional chega via Envio. — Por favor não antagonize ainda mais ele. 

Me toma um momento para entender o motivo do gordinho estar tão chateado. Eu imagino que minha pergunta possa parecer uma zombaria, com a parada de ter salvo o dia e tudo mais. Eu provavelmente deveria ter imaginado que ele estava encarregado, mas em minha defesa, eu deixei todas as comunicações para Tenjin e XinYue e eu não vi ele lá fora lutando. Tentando não morrer de vergonha, eu falo baixinho, — Prazer finalmente te conhecer.

De novo, aparentemente a coisa errada a se dizer. Eu deveria parar de abrir minha boca. O rosto vermelho de Chun Yimu fica roxo, seus olhos forçando dentro de sua cabeça enquanto XinYue quase põe a mão em seu rosto fisicamente e Envia, — O que você poderia ganhar criticando a ausência dele durante a batalha?

Por que todo mundo pensa que eu estou sendo sarcástico? É o meu tom ou expressão? Talvez meu sorriso não seja tão vencedor quanto eu achava. O sangue se esvai do meu rosto quando Argat e Jochi se engasgam em suas risadas. Eu deveria ter deixado eles nas barracas e ter vindo sozinho, as risadas deles vai me fazer ser espancado ou pior. Eu queria um guarda de honra comigo para cumprimentar os reforços e, enquanto eles não estão nem perto do nível de fodisse de Tenjin e Tursinai, eu estava suficientemente impressionado com a habilidade deles, pensando que eles eram melhores do que nada. 

Errado de novo. 

Timidamente recuando do impasse estranho, eu volto a esperar por reforços em silêncio, esperando que minhas ações não sejam tomadas como outro insulto. Eu me desculparia, mas eu não quero dar um presente para ele, o próximo relógio chique que eu roubar vai ser meu. Segundos tensos se passam enquanto eu olho para o portão da praça, totalmente ciente da encarada quente de Chin Yimu focada em mim. Felizmente, nada acontece e o Major rosna baixinho antes de se virar para longe, resumindo sua postura “heróica”. XinYue Envia, — Graças a Mãe ele tem assuntos mais importantes para resolver. Enquanto eu aplaudo sua coragem, eu te aconselharia a escolher suas batalhas sabiamente. Nós ainda precisamos do Major, mesmo que apenas como um amortecedor entre nós e a Coalizão. — Vendo minha confusão, XinYue explica pacientemente a situação através de Envios. 

Aff. Políticas. Como um membro atual da União e relação sutil com o Chefe Conselheiro, Major Yimu está certo de estar preocupado com seu destino, especialmente considerando a propensão geral de eliminar problemas pela raiz. No melhor cenário, Yimu convence a recém fortalecida Coalizão que ele não tem desejo algum por vingança e consegue viver em alguma outra cidade, longe daqui. No pior caso, ele acaba enterrado sob a pilha de cadáveres empilhados fora de vista. 

Pelo visto, Tongzu tem menos poder em Sanshu do que eu esperava. 15.000 mercenários só da Coalizão e assumindo que a União e a Aliança poderiam chamar aproximadamente o mesmo número, isso significa que eles possuem perto de 45.000 guerreiros sentados sem fazer nada pelos últimos dias enquanto Sanshu estava prestes a ser destruída. A única razão para a Coalizão vir ajudar é porque os inimigos deles estão mortos ou sumiram, eles agora podem ganhar mais ao ficar em Sanshu. É estupidez, especialmente considerando todos os mortos que nós deixamos no nosso caminho vindo para ajudar Sanshu. Ao invés de trabalharem juntos do começo para defender a cidade deles e seus cidadãos, todas as três facções estavam prontas para cortar suas perdas e fugir, travando guerras entre eles enquanto Corrompidos corriam soltos na cidade deles. 

Essas são as pessoas que meus Sentinelas morreram para salvar. 

Lutando para controlar minha raiva, eu fecho meus olhos e cerro meus punhos. Eu não posso pensar sobre isso desse jeito. O Conselho está no poder aqui, mas eu vim ajudar aqueles que não podem defender a si mesmos. Porém, eu fiz minha parte, então é a vez da Coalizão sangrar por Sanshu. É uma cidade linda, mas podre até o âmago e eu não vou arriscar minhas pessoas para ajudar a preencher a linha de fundo da Coalizão. Minha decisão tomada, eu abro meus olhos e espero, contando os segundos até eu poder ir embora. 

Os reforços tomam seu tempo para chegar, finalmente passando pelos portões da praça depois de meia hora de fanfarra. Parecendo resplandecentes em suas armaduras douradas e verdades e possuindo várias Armas Espirituais, esses mercenários não parecem nada como o bando esfarrapado de desajustados que eu estava esperando. “Segurança pessoal” é o que XinYue chamou eles, supostamente guardas de caravanas e mansões, mas esses guerreiros se conduzem como soldados profissionais. Sem ordens audíveis, os mercenários entram na praça e se espalham em formação, dois quadrados, organizados em cada lado da rua, seus movimentos praticados a perfeição. Sem sussurros ou boquiabertos, cada mercenário olha para frente atentamente, armas prontas. A disciplina deles é surpreendente, se não um exagero para o que são essencialmente guarda costas glorificados, mas se eles podem lutar metade do quão bem eles fazem paradas, então a vitória de Sanshu é certa. 

Uma dúzia de homens carregando um palanque enorme vai até a frente, as pobres almas suando com esforço de manter o nível do veículo. Escravos provavelmente, e minha boca se cerra com o pensamento, a mão coçando para sacar Paz e agir. Não seja estúpido Rain. Você não pode salvar eles. E mesmo que sim, eles seriam substituídos em questão de minutos. Esse é o mundo no qual você vive. Aceite. Foque em outra coisa, como os vagões cobertos vindo atrás de todos esses mercenários. Por favor que seja comida e remédios, nós estamos comendo carne seca e pão duro por dias agora, além da refeição estranha, que me enche de culpa de carne de cavalo. 

O palanque para e vira para que a saída esteja virada para nós. Não ia querer que o filho da puta rico ande um pouco mais, isso seria indecoroso. Um homem careca e forte emerge do interior, totalmente vestido em armadura dourada e carregando uma arma de haste gigante. Não me admira que os escravos estavam suando, ele deve pesar 300kg fácil com todo esse equipamento. Com seu elmo em mãos, ele passeia até Chun Yimu vestindo um desdém presunçoso, menosprezando nosso comandante cheinho. — Major XiaoGong da Força de Defesa dos Planaltos Dourados. Eu estou tomando o comando aqui.

Direto ao ponto, XiaoGong não mostra respeito por ninguém presente e só faltou cuspir na cara do Yimu. Tecnicamente, Yimu tem patente mais alta do que XiaoGong já que é exército vs força de defesa, mas considerando as circunstâncias, Yimu não tem escolha além de engolir o insulto e obedecer. Enquanto ouço Yimu listar as forças disponíveis, XiaoGong acena para XinYue antes de olhar para mim, a luz do sol refletindo em sua testa gordurosa e direto nos meus olhos. — Quem — Ele diz, interrompendo o relatório de Yimu. — é esse?

Estreitando meus olhos por causa do brilho, eu mantenho minha boca fechada e espero alguém explicar, até que XinYue me instruí urgentemente para responder. Puta que me pariu, não é como se ele tivesse perguntado para mim, eu pensei que ele estava perguntando para um de vocês. — Subtenente Falling Rain, Sentinela das Pessoas. — A pedido de XinYue, eu saúdo tardiamente, mas sinceramente, eu não quis ser rude. É que com a careca e a armadura dourada dele, o sol está me cegando caralho. 

Se aproximando, XiaoGong fica acima de mim, me estudando com um franzir distorcido. É como se ele visse algo que odeia e está tentando olhar dentro do meu corpo e ver minha alma. — Você… não é o que eu esperava. Felizmente, você foi tolo o bastante para recusar nossa oferta de cooperação.

Prendendo entre os dentes a resposta sarcástica, eu fico em silêncio com cabeça erguida e olhos para frente, nem desafiando nem me submetendo a ele. Depois de alguns segundos, ele gesticula para Yimu continuar e vai embora, me deixando para trás com XinYue. Não o que ele esperava… ele está me chamando de baixinho? Maldito chega dias atrasados para defender a caralha da cidade dele e tem a pachorra de me insultar? Se ele não fosse um Major como Vichear, eu teria algumas palavras com esse carequinha do caralho. Sua mãe provavelmente era uma gorila, o comedor de merda sem pescoço, corcunda, com cabeça de bola de bilhar. 

Tá, então eu sou um pouco sensível com minha altura.

É necessária várias inspirações antes de eu reganhar minha calma, dando um sorriso para o XinYue preocupado. — Poderia ter sido pior. 

— Verdade. Em nome de Sanshu, eu me desculpo pelas ações dele. 

— Não se preocupe com isso. — Eu digo, dispensando sua saudação. — Não é sua culpa. — Apontando para os mercenários com meu queixo, eu pergunto, — Isso é normal? Ter guardas tão bem treinados e armados?

Dando de ombros, XinYue responde, — Com toda a atividade de bandidos nessas terras, permissões foram feitas para o Conselho. A maioria pouco melhor do que fazendeiros, mas enquanto estes são mais bem treinados e equipados do que a maioria, eles provavelmente são o melhor do que a Coalizão tem em mãos, as forças pessoais de XiaoGong.

Esperando empacotar minhas coisas e ir embora o mais cedo possível, eu pergunto, — E quanto a União e a Aliança? Os membros do conselho estão desaparecidos em ação, mas os mercenários ainda podem estar por aqui. Alguma chance de reunir eles para lutar?

— Improvável. Os contratos deles seriam com a União ou a Aliança e com todos os membros do conselho desaparecidos ou mortos, nós não temos recurso legal para comandar os mercenários deles. Enquanto o Magistrado poderia emitir uma chamada geral para armas ou declarar estado de emergência, fazer isso causaria mais mal do que bem. Nós estamos segurando os Corrompidos no lugar e evacuação voluntária está acontecendo ordenadamente, então não há necessidade de medidas drásticas que fariam a população entrar em pânico. 

— Justo. — Não muito. Dezenas de milhares de guerreiros fazendo nada na cidade e eu estou aqui arriscando a vida dos meus Sentinelas como um retardado. É a definição de injustiça, mas que sorte a minha, como um Subtenente filiado a Yuzhen, tecnicamente, eu estou fora da linha de comando. Isso significa que eu estou livre para mandar o XiaoGong se foder se eu não gostar das ordens dele. Claro, precisa ser dentro da razão, caso contrário eu vou ser acusado de insubordinação ou algo assim, mas ainda, eu tenho a opção. 

Os mercenários cruzaram a ponte, puxando catapultas pequenas e caixas de munição para colocar nos telhados e aproximando para esperar pela chegada de Yuzhen. Finalmente, armas de longa distância gloriosas. Se ele for esperto, XiaoGong irá usar sua vantagem para ir de frente, forçando os Corrompidos de volta para o portão Sul-Oeste. De lá, vai ser um assunto simples de matar os Corrompidos de fome e segurar contra a última investida deles. Com sorte, eu vou convencer Gerel a ir embora e voltar para a Muralha, onde eu vou ser livre para reavaliar todas as decisões da minha vida. Eu estou de saco cheio dessa porra de cidade, nós sangramos o bastante por Sanshu e o Conselho. Andando cambaleando de volta para o nosso prédio para passar as boas novas, eu aguardo ansiosamente a soneca bem merecida que eu estou prestes a tirar. Se eles me chamarem para lutar? Então, talvez eu finja não ouvir eles. 

Daqui em diante, é uma estrada fácil para Falling Rain e seus Sentinelas.

Com as muralhas de Sanshu se elevando aos olhos, Yuzhen lutou contra a vontade de correr na frente, mantendo um passo constante e leve. Seus cavalos estavam em condições ruins com poucos para viajar e suas pessoas não estavam muito melhor. Com pouco mais de 6.000 elites, ela finalmente chegou em Sanshu, apesar da situação estar muito mais severa do que ela havia esperado. De acordo com as escoltas Bekhai, Yo Ling já estava dentro das muralhas e completamente forçando os defensores. 

Enquanto o relatório do Senhor Rustram estava criminalmente em falta de detalhes, as ações de Yo Ling não faziam sentido para ela ou Jukai, nenhum dos dois capazes de entender os objetivos dele. Preocupação corroendo seu estômago, a seriedade da situação finalmente clareando para ela. O Espectro Yo Ling, líder bandido lendário transformado em senhor da guerra Corrompido, estava a solta dentro de Sanshu e era trabalho dela derrotar ele. Sucesso e sua disputa pela posição de Marechal era praticamente inexpugnável, a Major heróica que derrotou Yo Ling. Falha… bom, melhor focar em não falhar. Melhor morrer na defesa de Sanshu do que sobreviver e se tornar o bode expiatório por sua queda. 

Antes de sair da mata, ela encontrou com o restante da comitiva de Falling Rain e dois dos oficiais de Chu XinYue e o relatório deles deixou ela tremendo de medo. Ficar fora e guardar o portão Sul-Oeste? Isso era loucura. E mais ainda, a possível traição da Sargenta era perturbante o bastante, mas para um maldito Capitão da Guarda se transformar em Corrompido… 

Isso era uma posição que necessitava da verificação de Pureza uma vez a cada década. De repente, a insistência da Picanço que Pureza não era mais prova parecia menos loucura do que antes. Mao Jianghong se transformou depois de tomar seu último teste ou ele se transformou antes? Se ela acreditasse na Picanço, então ninguém podia ser confiado. E se Falling Rain era Corrompido e mentiu sobre Mao Jianghong? E se ele estava alimentando ela a verdade, mas atraindo ela para uma armadilha ao instruir ela a ficar aqui? E se ele foi enganado pelos guardas no portão Leste e morto ao entrar? Quem ela podia confiar para conferir essas ordens? Se Falling Rain era Corrompido, é possível que Gerel também era Corrompido…

Não. Pare de ser tola, mulher. Trabalhe com o que você sabe ser verdade, não o que pode ser.

Dando ordens para seus soldados cavar trincheiras e escoltar a área, ela enviou alguns experts para contactar Sanshu em ambas as direções, prontos para agir de acordo com qualquer informação nova que conforme ela chegasse. A conselho de Jukai, ela fez um circuito ao redor do acampamento, parando para conversar com os soldados e checar imperfeições na defesa deles. Cansados e alertas, seus soldados precisavam de mais supervisão do que esperado, esse exército de elites costumavam ter tarefas mundanas feitas para eles. O que ela não daria para 5.000 soldados que ela trouxe da Ponte, um exército de infantaria sólido e bem disciplinados. Infelizmente, ela foi forçada a deixar a maioria deles para trás, sua infantaria incapaz de acompanhar. Levaria mais alguns dias até eles chegarem e até lá, ela estava presa com esses elites mimados que não se incomodavam a montar uma linha de estacas. 

Nem todos eram elites mimados, alguns eram literalmente crianças. Estacionados com o jovem magistrado Fung na borda do flanco sul, os Bekhai descansavam suas montarias cansadas enquanto a noiva com orelhas de coelho de Rain brincava. Arrastando uma fita com uma pedra e três pedras amarradas a ela, Mei Lin pulava e ria em círculos. Um gato selvagem seguia ela de perto, batendo na corda como um gato comum. O que Rain estava pensando, trazendo uma civil destreinada e seus animais com ele nessa operação? Os Bekhai eram pessoas tenazes, Yuzhen esperava que a pobre menina estivesse aterrorizada, mas Mei Lin parecia animada e despreocupada apesar das circunstâncias perigosas. 

Suspirando internamente, ela se perguntava ociosamente se Gerel esperava tomar múltiplas esposas. Provavelmente, um homem belo, talentoso como ele teria mulheres se jogando a ele, garotas de olhos arregalados como Lin. Tão adorável, com bochechas redondas adoráveis e pele marrom e macia, apesar dela ser noiva de Rain, como Yuzhen iria competir com centenas como ela, todas querendo afeição do Ceifador Demoníaco Gerel? Não apenas Yuzhen não tinha o vigor da juventude delas, como uma meia besta, ela era amaldiçoada pela Mãe e incapaz de ter filhos. 

Todos os homens grandes queriam ver seus descendentes prosperar, era apenas instinto básico. Quanto tempo até Gerel sucumbir a ele?

— Oi Yu… Ah, desculpa. Major Yuzhen. — Sorrindo adoravelmente, Mei Lin foi até Yuzhen, enquanto a linguagem corporal do gato ia de brincalhona para em guarda em um piscar de olhos, dentes a mostra e costas arqueadas. Afagando gentilmente o nariz do gato, Mei Lin disse, — Sem dentinhos Jimjam. Seja legal, tá?

A transformação de Jimjam foi instantânea, o gato selvagem feroz quase parecendo arrependido enquanto sentava e se esfregava contra a palma de Mei Lin. Piscando surpresa, Yuzhen sorriu com a visão doce, apesar de ainda estar alerta do predador feroz. — Você e Rain foram feitos um para o outro. — O elogio fez Mei Lin sorrir tanto que seus olhos quase desapareceram, a garota doce ficando mais ereta com o elogio. — Eu estava pensando, talvez você estaria mais confortável no centro do acampamento? Você pode montar sua tenda perto da minha em vez de com todos aqueles soldados.

— Tenda? — Pela primeira vez, Mei Lin mostrou preocupação. — Nós não vamos entrar na cidade?

— Não hoje. — A menos que algo mude. — Venha, você vai ficar segura comigo, deixe as coisas de soldado para guerreiros como Senhor Rustram e jovem magistrado Fung.

Balançando veemente sua cabeça, Mei Lin respondeu, — Não obrigada. — Se virando para o lado, a garota adorável falou com o nada. — Você pode me levar lá dentro? E os bichos também, eu quero ir ficar com o Rainzinho. — Tão corajosa, marchando para o perigo por amor. Nenhuma resposta, mas Mei Lin fez careta, fez beicinho e bateu seu pé. — Por que não? — De novo, nenhuma resposta, mas Mei Lin respondeu ao seu companheiro invisível, implorando para entrar na cidade. 

Forçando seus olhos e orelhas, Yuzhen ainda não conseguia avistar o companheiro de Mei Lin. Quantos experts os Bekhai tem? Balançando sua cabeça, ela foi embora sem falar mais nada, deixando Mei Lin ainda tentando convencer as sombras. Indo até o acampamento de Dastan, ela estava alegre de ver a unidade de elites que prosseguiam com seus deveres sem reclamar, uma trincheira cavada e estacas preparadas, prontos para defender contra qualquer ataque de garos. Oficial Zhandos cavava junto com seus homens, um guerreiro com um trabalho de ética maravilhoso. Uma boa semente, ele mostrava qualidades de liderança promissoras. O exército precisava de homens como ele, um jovem herói empático de origem comum, mas infelizmente ele estava preso no serviço para Coalizão dos Planaltos Dourados. 

Deixando ele para trabalhar, ela continuou seu circuito ao redor do acampamento, esperando por notícias de dentro de Sanshu. Horas depois, suas escoltas voltaram com um pergaminho selado pelo próprio Magistrado, reafirmando as instruções de Rain de cavar trincheiras e cortar a rota de fuga dos Corrompidos e um relato de tudo que transpirou dentro de Sanshu, só no caso da cidade cair. Uma segunda carta veio logo depois, uma mensagem sucinta de Gerel dizendo, — Trabalhando na minha promessa. Espere mais alguns dias. 

Apertando a carta contra seu peito, Yuzhen olhou para Sanshu, tentando ver através das paredes. Homem tolo, o que fama ou glória importava para ela? Ele era um idiota por tentar assassinar Yo Ling sozinho, como ela iria casar com um cadáver? Desse mesmo jeito, sua decisão foi tomada. Contanto que Gerel aceitasse ela, então Yuzhen seria sua noiva.

 

Tudo que ele precisava fazer era sobreviver.

Worst
Worst, filho da Música, casado com os Livros, tradutor de DS, CdMD e ASdCZ, ?% Engenheiro, 1 dos 3

1 Comentário

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!