LAB – Capítulo 311

Comum vs Sobrenatural (Parte 1)

Tendo visto o que havia acontecido, um dos dois cativos remanescentes imediatamente se virou para escapar, o que deixou Zero decepcionada.

Ela se transformou em um feixe de luz pálida e entrou no homem que fugia. Ele parou de correr e revirou os olhos no mesmo instante. Não foi a primeira vez que Mayne testemunhou essa habilidade estranha, mas toda vez que testemunhava, ele sentia calafrios por todo o corpo.

Quando a luz fraca brilhou no corpo do homem, sua figura começou a distorcer e deformar, alterando-se, pouco tempo depois, na imagem de Zero.

Mayne poderia dizer que isso não era um tipo de possessão ou assassinato, mas, quanto ao que acontecera exatamente no processo, ele acreditava que apenas o Papa e as pessoas que o haviam experimentado tinham uma ideia clara.

Zero respirou fundo e caminhou até o último cativo.

Com uma idade entre 14 ou 15 anos, ele era o mais jovem entre os três cativos. O garoto claramente não podia acreditar no que acabara de ver, e olhava para Zero com pânico em seus olhos.

— Agora, você está sozinho, Al. — Zero sussurrou.

Ouvindo isso, o garoto, que estava tentando pegar o machete com as mãos trêmulas, ficou atordoado e disse:

— Por… por que?

— Deus me disse tudo. Você é filho de fazendeiros que vivem nos subúrbios, mas o Rei de Coração de Lobo forçou todas as pessoas em sua aldeia a se mudarem para a capital para consertar a muralha, transportar suprimentos militares e entregar comida para o exército. Mesmo sendo um garoto, eles não trataram você de forma diferente. Eles o pegaram para o serviço militar na equipe de batedores e depois o abandonaram, como se você não tivesse valor algum. — Ela estendeu a mão para tocar sua bochecha — Acredito que a melhor prova disso seja os guardas que, depois de você reportar as informações pela primeira vez, não te autorizaram a entrar na cidade. Você entregou a eles as informações sobre nossas ações, mas, depois de ouvir o seu relatório, o capitão dos guardas apenas pediu para você voltar e nos seguir novamente, não foi isso?

— Eu… — O garoto abriu a boca, mas não conseguiu dizer nada.

— Eles nunca deixariam você entrar, pois quase todas as pessoas de sua família estão mortos neste momento. Antes, seus pais só foram aceitos simplesmente porque você tinha alguma serventia para o Rei. Mas se os guardas o deixassem entrar agora, toda a equipe de batedores saberia das ações ruins e repugnantes que aconteciam na cidade, como quando seu pai, que estava consertando uma brecha na muralha da cidade, caiu e morreu. Sabe, sua mãe foi até os guardas que estavam supervisionando a muralha para pedir explicações, mas ela só recebeu açoites de chicote como punição. Por causa disso, agora a vida dela está por um fio. Sem Deus, este mundo continuará cheio de maldade. Por isso eu pergunto, você tem certeza de que ainda quer servir a tal senhor?

Os olhos de Al se arregalaram em choque. Incapaz de resistir à dor, ele gritou:

— É… impossível. Você está mentindo!

— Deus nunca mente. — A bruxa purificada balançou a cabeça — Você sabe no fundo do seu coração que o que eu disse é verdade. Você sabe que sua tragédia é causada pelo fato de que os nobres nunca o considerariam como igual e sempre o tratariam como algo descartável. Nós, a Igreja, no entanto, queremos acabar com esse tipo de tragédia e construir um novo mundo que estará sob a supervisão e proteção de Deus.

Al caiu pesadamente sobre os joelhos e baixou a cabeça, gemendo.

— E o que eu devo fazer?

— Siga seu próprio coração. Somente Deus pode tomar uma decisão.

O menino soluçava, dizendo:

— Eu estava errado. Vou contar a você tudo o que sei. Farei qualquer coisa para salvar a minha mãe.

— Menino inteligente. — Zero deu um tapinha na cabeça do menino e pegou um pequeno ramo cheio de folhas finas do bolso, dizendo — Antes de tudo você deve comer isso para poder ter uma boa noite de sono. Isso vai deixar você mais calmo. — Ela tirou metade de uma folha e mastigou — Coma, assim como estou fazendo. Quando ocuparmos a Cidade Real de Coração de Lobo amanhã, provavelmente você vai encontrar sua mãe novamente.

Mayne franziu a testa quando reconheceu a planta. Era a dormideira usada para fazer a Água-dos-sonhos. Não fazia mal nenhum às bruxas, mas poderia envenenar e matar violentamente uma pessoa comum. Apenas a tussilago farfara poderia neutralizar sua toxicidade. Como ele esperava, logo depois que o menino comeu, seu rosto ficou verde. Ele agarrou a própria garganta e olhou incrédulo para a bruxa purificada, que sorria. Ele tentou murmurar alguma coisa enquanto arranhava seu próprio pescoço, a ponto de abrir feridas em sua pele com o sangue começando a verter. Depois de lutar por quase 7 minutos, ele não resistiu mais e parou de respirar.

— É uma pena que Deus não perdoe os seus pecados. — Zero sorriu e caminhou até o arcebispo, curvando-se e dizendo — Eminência, o que você achou dessa provação? Eu agi como Sua Eminência Heather?

— Por que você o iludiu para comer a dormideira? — Mayne perguntou com um tom sério — Se fosse Heather, teríamos mais um crente devoto em vez de um defunto. Por que você levou essa ovelha perdida para os braços da morte?

— Se seus familiares tivessem realmente morrido como eu disse, ele se tornaria de fato um crente fervoroso. Infelizmente, a verdade é que eu não sei o que aconteceu com eles. Eu inventei essa história para enganá-lo. — Zero deu de ombros, sem demonstrar emoção — Se ele descobrisse a verdade, ele não seria um bom crente, por isso que decidi matá-lo. Confie em mim. Eu sirvo a Igreja de todo o coração.

Se você realmente servisse à Igreja de todo o coração, você estaria na sua tenda esperando por ordens. — Mayne pensou.

Não querendo se envolver nessa coisa de provação por mais tempo, ele virou a cabeça e disse:

— Estamos prestes a atacar. Vocês duas devem se preparar imediatamente. De acordo com o nosso plano, o Rei de Coração de Lobo e a Rainha de Água Clara…

— Devem morrer, Vossa Eminência. — A bruxa purificada o interrompeu com um sorriso — Talvez eu não fosse capaz de completar essa tarefa sozinha, mas agora que Isabella está aqui, nenhum deles poderá escapar.

*Foonnnnnn!*

O chifre soou pelos céus, indicando que o ataque havia iniciado. Sob nuvens negras, a Igreja lançou a segunda investida nessa batalha de cerco sob o vento do outono.

A mais de 1.000 metros de distância da cidade, as Bestas de Cerco começaram a brilhar com poder mágico. Enquanto brilhavam como o sol, uma lança foi atirada com um rugido ensurdecedor, parecendo como se tivesse sido arremessada por um gigante. Ela voou em direção à muralha da cidade a uma velocidade tão alta que os olhos humanos não conseguiam ver exatamente o seu rastro.

Depois de percorrer uma longa distância, a lança de ferro ainda mantinha sua velocidade, acertando a muralha de pedra da cidade, esmagando tudo por onde passava, incluindo os soldados da milícia que se escondiam atrás. Com três rodadas de ataques, a Igreja conseguiu quebrar o portão da cidade e danificar severamente a muralha ao redor.

Trabalhando a uma velocidade semelhante a de uma catapulta, as armas de cerco dos demônios podiam atirar a uma distância muito maior do que as armas feitas pelo homem. Como os soldados defensores da cidade eram incapazes de ver a trajetória das lanças extremamente rápidas, eles não tinham ideia de onde o ataque viria, por isso, eles também não sabiam exatamente como deveriam reagir. Antes de o exército da Igreja chegar à cidade, sua linha de defesa externa já estava à beira do colapso.

De repente, um estrondo que abalou a terra reverberou em algum lugar atrás da muralha da cidade.

Uma enorme bola de fogo subiu em direção aos céus, indo em direção a muralha. Ao colidir, todos os soldados nas proximidades sentiram o chão tremer sob seus pés, e então uma parte da muralha, sob o fogo escaldante e assolado pela fumaça negra, desabou com um grande estrondo.

Ouvindo os sons rápidos do chifre, o Exército do Julgamento e o Exército da Punição Divina começaram a atacar a muralha da cidade. De longe, eles pareciam ondas douradas e vermelhas, impiedosamente esmagando todos os inimigos que se atreviam a ficar na frente deles.

Sendo feitos apenas de carne e sangue, os soldados que defendiam o Reino de Coração de Lobo agora tinham que lutar contra esses soldados sobrenaturais.

JZanin
Professor de Química, mestre em Ensino de Ciências, jogador de RPG sem tempo e Deodoro Aliguieri nos tempos vagos que não existem mais. ~Strong alone, stronger together!~

12 Comentários

  1. Isso é um exercito de uma igreja ou um exército de soldados demoníacos criados em um laboratório de monstros?
    Obrigado Pelo capítulo JZAnin

  2. Bom, agora que eu vi a natureza da habilidade dela, não tenho tanta certeza se a Rouxinol da conta. A Cinzas, sem sombras de dúvidas, não tem a menor chance. Batalha contra ela vai ser tensa. E ainda tem a Isabella.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!