LAB – Capítulo 516

Canção da recuperação

O trabalho de Soraya era cobrir o fio de cobre com uma camada de revestimento duro anticorrosivo para que pudesse ser usado no Projeto Três Suprimentos da Cidade de Primavera Eterna.

Esse processo era mais fácil do que revestir a parte interna do fio, pois a espessura não exigia muita precisão.

Depois de escolher a cor certa em seu leque de cores, Soraya transformou a Caneta Mágica em um tubo redondo. Uma vez pintado de cima para baixo, o “pigmento” solidificava na superfície do metal. Esse foi um truque que ela aprendeu com Anna. Para fazer melhor uso do poder mágico, Soraya deveria alterar a forma de sua Caneta Mágica.

No entanto, ainda havia uma grande lacuna entre elas, porque a capacidade de Anna de controlar o poder mágico era quase perfeita. Soraya testemunhou a Chama-negra enquanto ela cortava lingotes de metal. Parecia uma performance em vez de uma tarefa… Os três tipos de Chama-negra estavam em diferentes formas e cortavam o metal em diferentes ângulos, fazendo um número de partes que eram todas do mesmo tamanho. Às vezes, criavam diretamente uma máquina completa. Era fácil lembrar as características da Chama-negra em diferentes comprimentos, no entanto, era difícil controlar os vários tipos e fazê-los trabalhar juntos, mantendo as diferentes características de seu poder mágico. Para fazer isso, o poder mágico deveria ser praticamente a extensão do corpo da bruxa, além de ser extremamente preciso e flexível.

— É… uma videira? — Lucia perguntou enquanto olhava com curiosidade as cores pintadas pela Caneta Mágica.

— Exatamente, é uma videira de dez anos de idade. — Soraya explicou — É dura e difícil de quebrar, muito próximo da exigência de Sua Alteza.

— Dez anos de idade… isso é mesmo necessário?

— Claro. — Soraya não pôde deixar de rir — Videiras jovens são obviamente mais macias e menos resistentes à corrosão e ao calor. Não se trata apenas de suas idades. Materiais como madeira, papel e tecido têm diferentes propriedades em certas condições, como úmida e seca. É por isso que preciso usar meu leque de cores para ter disponível todos estes detalhes.

— Se for assim mesmo, você terá mais cores do que fórmulas de metais! — Lucia exclamou.

— Na verdade, não. — Soraya pensou por um tempo e continuou — No livro de Química Elementar afirma que as características de um material podem sofrer grandes mudanças enquanto sua composição tem mudanças sutis. Mas, as cores da madeira, por exemplo, não têm mudanças perceptíveis quando é misturado com dez ou quinze por cento de água.

— Uau, você registra o mundo inteiro apenas com uma caneta. — Lucia ficou surpresa — Esta é realmente uma habilidade invejável.

Soraya sorriu, mas não respondeu. Ela estava pensando em Anna, que realmente tinha uma habilidade invejável. Se a Caneta Mágica estivesse registrando o mundo, então a Chama-negra estava criando o mundo. A maioria das mudanças na vila estava relacionada a Anna. Várias das máquinas no canto do pátio mostravam isso. Enquanto as máquinas estavam conectadas ao motor a vapor, elas eram capazes de produzir fortes explosões de energia. Os trabalhadores se tornaram um complemento para a Chama-negra por meio de uma máquina. De certo modo, as criações de Anna permitiram que as pessoas comuns tivessem poder próximo das bruxas.

O trabalho de hoje, por exemplo, só poderia ser considerado feito depois de revestir cinco conjuntos de fios de cobre. A rotina de trabalho de Soraya era bastante cheia. Ela precisava ir a muitos lugares diferentes para completar os revestimentos parciais todos os dias. Desde que sua velocidade de pintura melhorou, apenas cerca de metade de seu poder mágico se esgotaria ao meio-dia.

Quando uma bruxa consome todo o seu poder mágico, ela se sente cansada e pode até mesmo desmaiar. Portanto, as bruxas de Primavera Eterna normalmente retêm trinta por cento de seu poder mágico durante o treinamento diário. Normalmente, como treinamento adicional para consumir mais poder mágico, Soraya continuaria adicionando novas cores e combinações em seu leque de cores. E mesmo com toda essa carga extra de trabalho, Soraya tornou-se menos produtiva porque Wendy e Sua Alteza não estavam por perto.

Pensando nessas questões, Soraya decidiu se juntar a Lunna e as outras para jogar Guerra contra o Proprietário depois, pois para ela, isso definitivamente não era fazer corpo mole, mas apenas um entretenimento temporário.

O tempo sempre voava rápido enquanto jogavam. A tarde inteira passou num piscar de olhos. Depois do jantar, Pergaminho anunciou algumas novidades inesperadas.

— As aulas de hoje à noite foram canceladas pra testarmos a habilidade de Eco.

— Mas ela já não fez seu teste de habilidade antes? — Lily ponderou — Por que ela precisa fazer o teste de novo?

— Isso é ótimo! — Lunna disse quase imediatamente enquanto cobria a boca de Lily com a mão — Eu nunca testei as habilidades de ninguém! — Lily olhou com raiva para Lunna, então ela tirou a mão da boca da amiga e murmurou baixinho — O ponto é que nós não vamos ter aulas. Por que você não pode simplesmente ficar feliz com isso?

— Professora Pergaminho, o que devemos fazer? —  Ling perguntou do corredor, a única menina que não era uma bruxa ali no salão.

— Você só precisa se concentrar e ouvir. — Pergaminho respondeu com um sorriso.

— Eu acho que nem todo mundo precisa participar do teste. — Agatha se levantou — Sendo assim, eu vou voltar para o meu quarto.

— Não, todas precisam fazer. — Pergaminho balançou a cabeça — E, aliás, você é uma das razões para o teste.

— Eu? — Agatha perguntou franzindo a testa.

Todas as bruxas olharam para Agatha, incluindo Soraya.

— Sim. Você está estressada demais e seu corpo não vai aguentar se continuar a consumir todo o seu poder mágico todos os dias.

— Em Taquila, as bruxas seniores consumiam também todo o poder mágico diariamente. —  Agatha disse despreocupadamente— Você não está mesmo ciente da brutalidade da Batalha da Vontade Divina. Ela nunca vai parar até que o inimigo entre em colapso. Acredito que a Aliança esteja disposta a sacrificar todos seus membros se forem capazes de encontrar o caminho para a vitória.

— Mas Sua Alteza disse que forçar o seu corpo ao limite o tempo todo reduzirá sua eficiência. O descanso é necessário para fazer as coisas, seja estudar ou trabalhar. — Pergaminho disse suavemente — Eu mesma contei a ele sua situação, então o teste é essencial.

— Mas iremos testar o quê?

— A habilidade de recuperação de Eco.

A frase surpreendeu as bruxas.

— Ela pode curar os feridos como Nana?

Soraya duvidava disso.

A habilidade de Eco é simular todos os tipos de sons. — Soraya pensou — Ela era inútil na Associação Cooperativa das Bruxas e não teria sido desprezada por Kara se ela pudesse curar os outros.

Pergaminho parou por um momento.

— Eu não sei o motivo exato. Tudo isso é ideia de Sua Alteza. — Pergaminho olhou para trás — Você está pronta? Vamos começar.

Eco entrou no salão e subiu na plataforma. Ela estava um pouco nervosa. Todas no salão prenderam a respiração e esperavam que ela exercesse sua habilidade.

A música soou suavemente, como uma fonte d’água clara ecoando nos ouvidos de todos.

Então ela cantou uma música melodiosa em sua própria voz, em vez de simular uma.

De repente, Soraya sentiu que tudo ao seu redor havia mudado. O castelo de pedra gradualmente desvaneceu na escuridão e seu corpo estava cercado por fontes quentes… Era como se ela tivesse sido envolvida por uma névoa branca, e sobre ela havia um céu cheio de estrelas. As brisas frescas sopraram em seu corpo quente. Ela não podia deixar de cantarolar alto e já estava completamente relaxada e imersa nesta canção da primavera tão confortável.

No final da música, Soraya lentamente abriu os olhos depois de um longo tempo. Ela entendeu o significado de “recuperação” sem qualquer explicação. Não houve aumento no poder mágico, mas o cansaço do dia foi varrido embora. Seu corpo ficou novamente ativo e forte.

JZanin
Professor de Química, mestre em Ensino de Ciências, jogador de RPG sem tempo e Deodoro Aliguieri nos tempos vagos que não existem mais. ~Strong alone, stronger together!~

1 Comentário

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!