LAB – Capítulo 522

Mudança drástica na Região Norte

— O quê?

Calvin Kant, o Lorde da Cidade de Noite Eterna e Duque da Região Norte, gritou. Ele levantou-se subitamente e olhou para o mensageiro com desaprovação, derrubando o copo de água da mesinha lateral. O copo bateu no chão com um estrondo, produzindo um som nítido e claro.

— Vossa Graça, eu vi com meus próprios olhos! —O mensageiro disse, abaixando ainda mais a cabeça — O príncipe rebelde violou a muralha da Cidade Real de Castelo Cinza em apenas um dia. Até mesmo o próprio Rei não conseguiu escapar. Temo que ele esteja morto agora.

— Como isso pôde acontecer? — Calvin murmurou — É a capital do Reino de Castelo Cinza!

A muralha da cidade feita de pedra azul possui mais de 54 metros de altura e é fortemente guardada por milhares de soldados equipados com catapultas e pó de neve! — Calvin pensou — Ninguém pode romper as defesas da cidade a menos que tenha um exército de 20 a 30 mil. Mesmo que o Príncipe Roland tivesse um exército tão grande, ainda é difícil acreditar que ele capturou a cidade em apenas um dia!

— Eles tinham armas de fogo invencíveis. — O mensageiro disse com voz trêmula, possivelmente causada pelo cansaço de viajar a noite toda ou pelo choque que experimentara no campo de batalha — Eles conseguiam atirar sem parar. Suas armas eram muito poderosas para os cavaleiros e até para o exército enlouquecido do rei. Ninguém pôde detê-los. Qualquer um que chegasse perto deles morria ou ficava gravemente ferido… Comparar as armas deles com as armas de pederneira do rei é como comparar varas de ferro com baratas inúteis!

A mente de Calvin estava em branco. Seu mundo inteiro virou de cabeça para baixo. Ele sentiu que tudo estava acabado.

Ele recebera uma ordem de Timothy exigindo que ele enviasse um exército para dar suporte a Cidade Real de Castelo Cinza. Como o novo Duque da Região Norte, ele deveria seguir a ordem do Rei e depois de alguma discussão, ele conseguiu reunir um exército de 2.500 soldados, escolhendo soldados das tropas de Cabeça-de-Cavalo Hawes, Raposa das Neves Lesta e de suas próprias Famílias. Este exército planejava partir depois que a neve derretesse e chegar à Cidade Real de Castelo Cinza entre duas a três semanas depois de receber a ordem. O exército já havia partido, pois Calvin jamais imaginou que o Rei perderia a guerra na capital, uma vez que a guerra de cerco costumava levar meses.

Seu exército era composto principalmente de mercenários e homens livres. Não havia muitos cavaleiros ou servos, já que a temporada de aragem da terra estava prestes a começar. No entanto, não importava que tipo de exército ele tivesse enviado, ele já havia feito algo que o príncipe rebelde poderia usar para considerá-lo como culpado de rebelião. Ele estava com medo de que seus bons dias acabassem em breve.

Edith! — Calvin de repente pensou em sua filha brilhante — Talvez ela possa pensar em algo para nos salvar.

— Vá! Traga minha filha mais velha até meu escritório! — Calvin gritou para um guarda ao seu lado.

Edith logo entrou no escritório, vestindo roupas justas e carregando uma espada de treinamento. Seu cabelo estava enrolado em um coque e seu nariz estava pontilhado com pequenas gotas de suor. Ela estava treinando com sua espada como de costume e agora parecia um pouco descontente.

— Eu pedi para você não me incomodar quando estou treinando.

— Eu sei que prometi, mas estamos em apuros! — Calvin repetiu com urgência o que o mensageiro lhe dissera e perguntou — O que devemos fazer?

Ele olhou para sua filha, ansioso para ouvir uma solução. Edith Kant, a mais brilhante Pérola da Região Norte, não era apenas uma mulher de extrema beleza, mas também um talento ímpar em política e estratégia. Ela havia contribuído enormemente para o sucesso da ascensão de seu pai, de um conde para o duque da Região Norte, e até mesmo os filhos da Família Kant foram ofuscados por ela.

De fato, Edith ficou surpresa ao saber que o Príncipe Roland havia conquistado a Cidade Real de Castelo Cinza em apenas um dia, mas logo se recuperou e disse calmamente:

— Agora você entende por que eu não concordei em me casar com Timothy?

Calvin olhou surpreso e perguntou:

— Você sabia que ele acabaria assim?

Timothy ficou um bom tempo na Região Norte depois de derrotar o rebelde Duque Ise e, como muitos outros homens, estava de olho na Pérola da Região Norte. Mas Edith habilmente recusou o mensageiro que Timothy enviou para ela. Seu pai ficou confuso e até a culpou por recusar a proposta do rei, pois se ela se casasse com Timothy e se tornasse a rainha, como muitas meninas sonhavam, o status da Família Kant teria sido assegurado ainda mais.

— Você quer dizer sobre a cidade dele ser ocupada em um dia? Não, eu não esperava isso. — Edith desamarrou a faixa de cabelo para deixar seus longos cabelos verdes caírem — Eu apenas senti que ele não era a pessoa certa.

Não é a pessoa certa… Quem é a pessoa certa para você? Embora seu reinado tenha sido bem curto, ele ainda era o Rei do Reino de Castelo Cinza naquela época! — Calvin pensou, mas não contou a sua filha o que estava pensando. Ele decidiu passar seu título de duque para Edith, que acreditava que traria um futuro melhor para a família, em comparação com os dois irmãos, se ela se recusasse a casar com alguém.

— De qualquer forma… — Edith se inclinou para pegar alguns pedaços quebrados do copo d’água de porcelana —, antes de qualquer outra coisa, você tem que ordenar que o exército se retire.

— Mas eles estão fora há quatro dias, e não tenho ideia de qual rota eles tomaram. Receio que seja tarde demais.

— Isso não é um problema. — Edith arrumou os pedaços da xícara para representar os três locais e continuou — Você pode mandar alguém para Vila do Vale Profundo hoje. Se partir agora ele chegará à cidade à noite. Amanhã, ele pode pegar um barco para a Cidade Real de Castelo Cinza e chegará lá pelo menos um dia antes do exército. Além disso, não importa qual rota o exército tomou, eles vão acabar na estrada principal que leva ao portão norte da cidade, por isso, se a pessoa que você enviar andar na direção oposta ao exército, ele vai se encontrar e pará-los ainda na periferia da capital.

Ah, entendi. — O Duque afagou a cabeça pesadamente e pensou — Eu deveria ter pensado nessa solução. A notícia foi muito repentina e surpreendente para eu reagir com calma e rapidez.

— Vou escrever uma carta agora! — Calvin disse — Não, vou mandar um guarda com minha insígnia para entregar ao comando! Guarda!

Um guarda veio para receber o pedido e depois saiu rapidamente. Edith disse lentamente:

— Pai, você acha que podemos resistir ao ataque do Príncipe Roland?

Um arrepio percorreu a espinha de Calvin. Ele sabia que a muralha da Cidade de Noite Eterna não duraria praticamente nada, visto que a muralha exterior da capital, que era duas vezes mais alta e resistente que a sua, não durou nem um dia sob o ataque das poderosas armas de fogo de Roland. Ele respondeu:

— Eu não acho que podemos.

— Então, não é suficiente apenas retirar o exército. — Edith deu de ombros e acrescentou — Não se esqueça que foi Timothy quem fez de você um Duque. É natural que o Príncipe Roland nos considere seus inimigos e é apenas uma questão de tempo para ele nos destruir. Sob tais circunstâncias, temos que ser mais proativos.

— Você quer dizer que eu deveria jurar lealdade agora ao Príncipe Roland? — Calvin hesitou — Mas por que ele deveria confiar em mim?

— Mostre sua sinceridade. — Edith disse suavemente — A maioria dos nobres que ouvirem a notícia será intimidada pela esmagadora vitória do Príncipe Roland sobre Timothy e não poderá lutar em uníssono contra ele. Em vista disso, teríamos que nos render a ele o mais rápido possível. Tenho certeza de que não sou a única pessoa que pensa assim, então temos que mostrar sinceridade suficiente para impressioná-lo.

— Mas… como?

Antes que Calvin pudesse descobrir o que ela queria dizer, Edith retirou sua espada de madeira e esmagou dois dos pedaços quebrados do copo d’água com um sorriso.

— Eu acho que a Família Hawes e a Família Lesta dariam ótimos presentes. O que você acha, pai?

JZanin
Professor de Química, mestre em Ensino de Ciências, jogador de RPG sem tempo e Deodoro Aliguieri nos tempos vagos que não existem mais. ~Strong alone, stronger together!~

3 Comentários

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!