LdM – Capítulo 19

Artefatos Selados

— Somos guardiões, mas também um bando de infelizes miseráveis que lutam constantemente contra perigos e loucura.

O corredor do lado de fora da janela estava selado, suas paredes geladas. A sala estava iluminada com luzes amarelas brilhantes. A voz de Dunn Smith ecoou, enviando golpe após golpe ao coração de Klein. E o deixou temporariamente sem palavras.

Dunn balançou a cabeça e sorriu ao ver Klein em silêncio.

— Está muito desapontado? Beyonders não são como o que você imaginava. Estamos sempre andando ao lado do perigo.

— Há sempre um preço a pagar. — Klein se recuperou de seu choque e respondeu com uma voz trêmula.

Era verdade que nunca imaginou que a auréola, excepcional, e os aspectos incomuns de um Beyonder teriam tais ameaças ocultas. Talvez apenas porque estivesse ouvindo uma descrição sem testemunhá-la em primeira mão e que havia sido sugado para o vórtice com um incidente peculiar que já estava acontecendo. Klein logo pôs seu medo, inquietação, preocupação e apreensão sob controle.

É claro que a ideia de voltar atrás era inevitável; ela se arrastava e se recusava a sair.

— Nada mal. Muito maduro e racional… — Dunn terminou o último gole de café e acrescentou: — Além disso, os Beyonders não são tão poderosos quanto você imagina, especialmente um Beyonder de Sequência baixa. He, por que usaríamos 1 para representar a nota mais alta e 9 a mais baixa? Não vai contra a intuição e a lógica? A sequência baixa que, muitas vezes mencionamos, refere-se a um baixo grau ou um número alto. Eles são o ponto de partida da cadeia Sequencial. Muito bem, onde eu estava mesmo? Sim, Beyonders não são tão poderosos quanto imagina. O poder de um Beyonder de baixa Sequência não é páreo para armas, muito menos canhões. São apenas mais fascinantes e indefensíveis do que armas de fogo. Se tiver a chance de se tornar um Beyonder no futuro, você deve considerar o que eu disse hoje com cuidado. Não tome uma decisão precipitada.

Klein deu um sorriso autodepreciativo.

— Nem sei quando terei a chance.

Ele sentiu que não perderia a oportunidade se ela se apresentasse. Consumir a poção errada ou uma poção mais alta na Sequência podia ser evitado. O maior perigo potencial eram as sutis influências que as poções tinham e o que ele experimentaria por ter as percepções auditivas e visuais elevadas.

Para o primeiro, ele poderia se basear nas experiências de gerações de seus antecessores. Desde que não estivesse com pressa de avançar e pacientemente dominasse o controle sobre seus poderes, as chances de perder o controle eram relativamente baixas. Além disso, ainda precisava resolver o problema potencial que enfrentava atualmente. Ele tinha que entender a essência do misticismo e procurar uma maneira de transmigrar de volta. Estas eram as razões subjacentes para dar o primeiro passo. Ele não tinha como objetivo as poções mais altas, se fosse fácil perder o controle, ele poderia simplesmente não avançar, permanecer em sua Sequência original e confiar no conhecimento para planejar um caminho para “casa”.

Era desnecessário elaborar sobre os riscos potenciais. Quando Klein realizou o ritual de aprimoramento de sorte, ele quase ficou louco, os murmúrios que quase explodiram sua cabeça ainda estavam frescos em sua mente. Eles seriam inevitáveis se ele não se tornasse um Beyonder; portanto, era melhor ganhar poder que lhe permitisse se defender.

Com isso em mente, Klein sentiu que os prós claramente superavam os contras. Isso fez com que seus pensamentos de recusar quase desaparecessem.

Dunn pegou seu cachimbo novamente enquanto seus olhos cinzentos mantinham um traço de sorriso.

— Não posso te dar uma resposta precisa sobre isso. Para se tornar um Beyonder, em primeiro lugar, você deve realizar contribuições suficientes. Talvez amanhã ou depois de amanhã, você possa interpretar documentos antigos críticos. Talvez possa nos dar ideias valiosas para um de nossos casos? Em segundo lugar, depende dos arranjos dos superiores. Ninguém pode ter a certeza. Bem, eu acredito que agora você deve saber um pouco sobre os Beyonders. No futuro, não tome uma decisão precipitada. Agora, eu vou apresentá-lo aos trabalhadores civis do nosso time dos Falcões Noturnos.

Dunn se levantou e foi até a porta. Ele apontou na direção oposta do Portão Chanis e disse:

—Temos um contador e outra pessoa encarregada de adquirir as necessidades básicas e coletar suprimentos entregues pela Igreja e pelo departamento de polícia, enquanto é condutor de carruagens. Eles são profissionais e não precisam de turnos, para que possam descansar nos fins de semana. Os outros três funcionários civis são Rozanne, Bredt e Velho Neil. Seus trabalhos incluem: atender aos visitantes, limpar os quartos e preencher os arquivos de casos e listas de registro de inventário. Eles também guardam o arsenal, a despensa e os arquivos, aplicando estritamente o registro, caso alguém deseje entrar, retirar ou devolver um item. Cada um tem um dia de folga por semana, além dos domingos. Eles negociam entre si sobre o arranjo de turnos noturnos e dias de descanso.

— Então, minha área de trabalho é a mesma que Rozanne e o resto? — Klein deixou de lado seus pensamentos sobre Beyonders e tentou esclarecer suas responsabilidades no trabalho.

— Não, não há necessidade. Você é um profissional — disse Dunn com um sorriso. — Você atualmente tem duas tarefas. Primeiro, toda manhã ou tarde, vá dar um passeio lá fora. Concentre-se nas várias ruas que levam da casa de Welch para a sua.

— O quê? — Klein ficou perplexo.

Que tipo de trabalho é esse?

Isso é profissional?

Dunn colocou as mãos nos bolsos do blusão preto e disse:

— Depois de confirmar que perdeu suas memórias, encerraremos o caso de Welch e Naya. Da mesma forma, aquele diário da família Antígono desapareceu completamente. Suspeitamos que o trouxe consigo. Você pode tê-lo escondido no caminho para casa, e pode ser por isso que não encontramos nenhuma pista em sua casa. Também é provável que esta é a razão pela qual você não estava com eles e tenha escolhido se suicidar em casa. Embora você tenha sido misteriosamente influenciado e tenha esquecido essa memória, o espírito e cérebro humanos são muito fascinantes, então pode haver vestígios residuais. Daly pode não ser capaz de obtê-los por meio de seus métodos como uma médium, mas isso não significa que não existam. Talvez você sinta uma sensação de déjà vu em um ponto familiar e crítico. É isso que desejamos obter.

— Entendi. — disse Klein elucidado.

A dedução dos Falcões Noturnos sobre a localização do diário era de fato razoável.

Ele era o único vivo entre as pessoas envolvidas. Só ele tinha tempo e motivo para pegar e esconder o diário no caminho de volta!

— Se puder encontrar o diário desta maneira, provavelmente terá contribuído o suficiente para se tornar um Beyonder — encorajou Dunn, indiretamente revelando a importância do diário.

— Espero. — Klein assentiu.

Dunn mudou de assunto novamente.

— Em segundo lugar, você tem um dia de folga a cada semana. Pode decidir qual dia é por enquanto. Quando não estiver lá fora, vá ao nosso arsenal e leia a literatura e os livros canônicos. Este é um trabalho para um historiador profissional. Quando terminá-los todos, terá que começar a pegar turnos com Velho Neil e o resto.

— Tudo bem, sem problema. — Klein soltou um suspiro de alívio.

Isso não é muito difícil…

Nesse momento, Dunn se virou e apontou para os portões negros que abriam para fora, esculpidos com sete emblemas sagrados.

— Este é o Portão Chanis. Foi nomeado em homenagem ao criador do moderno sistema dos Falcões Noturnos, Arcebispo Chanis. Há um sob a catedral central de todas as grandes cidades. É guardado por membros formais dos Falcões Noturnos em rotação. No interior, há pelo menos dois “Guardiões” que são enviados pela Igreja, bem como inúmeras armadilhas. Não deve se aproximar sob nenhuma circunstância; caso contrário, infortúnio cairá sobre você.

— Parece assustador — Klein expressou seus sentimentos.

— O interior é dividido em algumas zonas. São armazenadas certas fórmulas de poções para certas Sequências e outros materiais mágicos. Também é usado para manter temporariamente hereges, mutantes, cultistas e membros de organizações secretas. He he, eles eventualmente são enviado para a Santa Catedral — introduziu Dunn de passagem.

Santa Catedral? A sede da Igreja da Deusa da Noite Eterna localizada no Condado de Inverno ao norte do reino, Catedral da Serenidade? — Klein assentiu levemente, como se estivesse refletindo sobre o assunto.

— Além disso, há todos os tipos de documentos e registros confidenciais. Quando obter uma autorização mais alta, pode ter a chance de lê-los. — Dunn hesitou por um momento antes de acrescentar: — Atrás do Portão Chanis, também há Artefatos Selados no porão.

— Artefatos Selados? — Klein ruminou nos termos.

Parecia um termo especializado.

— Alguns dos itens extraordinários que coletamos e recuperamos são muito importantes e mágicos. Se caíssem nas mãos erradas, causariam imensa destruição. Portanto, temos que mantê-los estritamente confidenciais e observá-los com cuidado. Mesmo nós só podemos usá-los em circunstâncias especiais. Além disso… — Dito isso, Dunn parou por um momento antes de continuar. — Além disso, há algumas coisas lá dentro que são muito especiais. Possuem certas características “vivas” que podem atrair os Guardiões. Influenciar os arredores, tentar escapar, e causar resultados catastróficos. Eles têm que ser estritamente controlados.

— Que fascinante — comentou Klein melancolicamente.

— O quartel general dos Falcões Noturnos classificou esses Artefatos Selados em quatro graus. Grau 0 representa Extremamente Perigoso. Eles são da mais alta importância e confidencialidade. Não devem ser investigados, disseminados, descritos ou espiados. Eles só podem ser selados no porão da Santa Catedral — descreveu Dunn em detalhes. — Grau 1 é Altamente Perigoso. Eles podem ser usados de forma limitada. Sua autorização de segurança é limitada a bispos diocesanos ou Falcões Noturnos, diáconos e acima. A sede central da catedral de diocese, como Backlund, pode armazenar de um a dois artefatos. O resto é entregue à Santa Catedral. Grau 2 é Perigoso. Podem ser usados com cuidado e moderação. A autorização de segurança exige que um seja bispo ou um capitão de equipe dos Falcões Noturnos. As catedrais centrais das várias cidades podem armazenar de três a cinco artefatos. O resto é entregue à Santa Catedral ou à sede da diocese. Grau 3 é Consideravelmente Perigoso. Têm que ser usado com cuidado. Só pode ser aplicado em operações que requeiram três ou mais pessoas. A autorização de segurança exige que um seja um membro formal dos Falcões Noturnos. No futuro, você verá os documentos correspondentes. Através dos números, pode entender o que eles representam. Por exemplo, 2-125 significa um artefato de nº 125 selado de categoria Perigosa.

Enquanto Dunn falava, ele de repente se virou e voltou para seu lugar, e tirou um pedaço de papel do fundo de uma gaveta.

— A propósito, dê uma olhada nisso. Três anos atrás, um arcebispo recém-nomeado perdeu o controle. Por alguma razão desconhecida, ele invadiu os vários níveis de proteção e desapareceu misteriosamente com um Artefato Selado de Grau 0. Memorize esta foto. Se o descobrir, não o alerte nem perturbe. Volte e relate isso imediatamente ou a chance de você morrer no cumprimento do dever é de mil por cento.

— O quê? — Klein recebeu o pedaço de papel. Não havia título, apenas uma foto em preto e branco com algumas linhas de palavras.

“Ince Zangwill. Sexo masculino. Quarenta anos de idade. Ex-arcebispo. Um Guardião dos Portões que falhou em sua promoção e foi seduzido pelo diabo e corrompido. Ele fugiu com o Artefato Selado 0-08. Particularidades são…”

A foto mostrava Ince Zangwill vestindo um manto de clérigo todo preto com botões em ambos os lados e uma boina. Seu cabelo era louro escuro e suas pupilas tão azuis que eram quase pretas. Tinha um nariz empinado e seus lábios estavam bem cerrados. Suas características faciais eram como uma escultura clássica sem rugas. A característica mais marcante era que ele era cego de um olho.

— A descrição do corrompido é tão detalhada, mas a única coisa sobre o Artefato Selado é seu codinome… — Klein honestamente ofereceu sua primeira impressão.

— É por isso que está ao mais alto nível de segurança. A busca pelo Artefato Selado nº. 0-08 é descrita apenas verbalmente e nunca escrita em palavras. Mesmo assim, a descrição será breve — disse Dunn com um suspiro. — 0-08 parece ser uma pena comum, mas não precisa de tinta para escrever. Isso é tudo.

Dunn não aprofundou o assunto. Ele puxou a corrente de ouro em seu blusão preto e tirou um lindo relógio de bolso da mesma cor, o abriu e deu uma olhada antes de apontar para fora.

— Eu disse tudo o que você precisa saber. Vá ao arsenal encontrar o Velho Neil e consiga que ele organize os documentos que você precisa ler. Ele não é um funcionário civil comum. Já foi um membro formal, mas devido a sua idade avançada, ele não conseguiu ser promovido. Sua saúde está mal, por isso não é mais adequado para ele lidar com casos. Além disso, ele não deseja se tornar um Guardião interno ou descansar em casa. Tudo que ele deseja é ser acompanhado por documentos e registros.

3 Comentários

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!