PA – Capítulo 44

Como é que o ‘Que desperdício’ se Refere a mim?

 

 

— Ei, quão boa combatente você é?

Quando Changzai caminhou para o lado dela e perguntou, Sanji estava prestes a olhar o conteúdo da Carta Diário.

— Huh? — Despreparada, ela não sabia como deveria responder. — Normal, eu acho.

Ao mesmo tempo, seu grupo de seis caminhava em direção à Longa Estrada Hua “Sha… Sha…” Seis pares de sapatos se arrastavam pela areia que cobria o chão. Depois daquela breve conversa, ninguém mais falou nada. A poeira escaldante no ar era carregada de um lado para o outro pelo vento forte que soprava pelo local. Changzai continuou um passo atrás dela e continuou calado por um bom tempo. Quando Sanji pensou que ele tinha desistido de conversar, ele subitamente suspirou pesadamente. Changzai abaixou a voz e sussurrou:

— Você sabia? Eu não deveria ser parte desta equipe.

Sanji respondeu indiferentemente com um simples: — Oh. — Ela não entendia porque Changzai falaria isso para ela de repente. Ela olhou de canto de olho e se certificou que ele estava a uma certa distância dela. Então, Sanji virou a palma da mão que ela estava escondendo contra ela mesmo. A Carta Diário preenchida com pequenas palavras estava na palma de sua mão.

— Eu estou falando a verdade! Desde que eu cheguei ao Oásis, eu tenho trabalhado com a equipe de manutenção elétrica. Minha maior responsabilidade era baixar a temperatura do gerador elétrico para evitar que ele queimasse. Eu não sei o que aconteceu, mas de repente eu fui realocado para esta equipe… Embora eu tenha evoluído, como é que eu posso usar minha habilidade durante uma luta? — Changzai reclamou desanimado. Depois de ter evoluído, ele nunca tinha participado de um único combate sequer, e ainda assim ele tinha que caçar degenerados com a equipe. Ele realmente tinha motivos para ficar preocupado.

Sanji, que estava caminhando na frente dele, continuou andando cabisbaixa, na dela, como se não tivesse escutado nada do que ele falou. Changzai suspirou novamente e decidiu ficar calado. Inesperadamente, ela subitamente se virou e olhou para ele com uma atitude completamente diferente.

— Você disse que foi informado abruptamente hoje sobre a realocação para essa equipe?

Changzai não sabia o motivo da pergunta, mas ele ajeitou os óculos e respondeu:

— Sim… E eu ainda não sei o porquê.

Inconscientemente, Sanji apertou a Carta Diário em sua mão.

【Carta Diário】

Hora: 22:48 PM

Localização: Unidade de Processamento de Alimentos Reunião (Entrada)

Parâmetros: Raio de 5m.

Homem A: — É aquilo novamente?

Homem B: — Sim! Tem até uma mulher bem bonita que se juntou recentemente. Que desperdício.

Homem C: — Qual é a quota para esta equipe?

Homem B: — De acordo com o memorando na mão da líder, só pode ter três sobreviventes desta vez.

Homem A: — A líder da equipe definitivamente retornará viva. Não a subestime apenas porque é pequena, ela é habilidosa.

Homem D: — Exatamente. Sorte nossa que não precisamos ir nessas missões. E quase não precisa fazer nada enquanto a gente vigia aqui…

Homem C: — Ei, você não ofendeu um dos executivos um tempo atrás? Ouvi dizer que você quase foi enviado para uma missão.

Homem D: — Nem me fala sobre isso. Eu tive que me despedir de muitas das minhas coisas para me safar.

Homem D cuspiu.

……

Depois disso, a carta só tinha detalhes de conversas mundanas entre os guardas e mencionava que Sanji tinha retornado para a entrada e pegado a carta. A gravação tinha parado às 22:52 PM. Sanji, ainda atordoada, continuou olhando para as palavras “A Carta Diário foi recuperada”.

Se as coisas era como o Homem A tinha falado, e realmente existisse uma cota limitada de sobreviventes, sem sombra de dúvidas a líder Xiaoyang já teria um lugar garantido. Se não acontecesse nenhum contratempo, a mulher chamada Griselda também estaria na lista. Os restantes eram ela mesma, Sétimo e o Fei — já que era praticamente certeza que o Changzai seria abandonado.

Não importava como ela pensasse na situação, Sanji tinha uma forte impressão que ela e o Sétimo eram os outros dois marcados para morrer. Instantaneamente, as palavras da Dani apareceram novamente em sua cabeça.

— Isso explica por que a taxa de mortalidade das missões é tão alta, — ela murmurou enquanto acelerava seus passos e então encostou no ombro do Sétimo. Como a Marcie não estava aqui, Sétimo era a pessoa que ela tinha mais familiaridade na equipe. Sétimo se virou, olhando para ela intrigado. Sanji hesitou por um momento, mas finalmente entregou a Carta Diário para ele.

— Veja isso.

A maneira como ela intencionalmente abaixou a voz alertou Sétimo da importância das palavras dela. Ele pegou a Carta Diário e cobriu ela ligeiramente com a mão. E sem ninguém perceber, rapidamente examinou a carta. Ao mesmo tempo, a Sanji diminuiu o passo e puxou o Changzai para o lado dela.

— Ei, você é uma mulher, o que está tentando…

— Já terminou? Preciso lhe contar uma coisa urgente, — Sanji o interrompeu sem paciência. — Você pode perguntar algo para a líder e verificar se ela está falando a verdade?

— Porquê? O que você quer que eu pergunte?

— Pergunte para ela: “Lider, eu tenho um compromisso com alguém às 6 horas da manhã, você acha que eu consigo voltar a tempo?” — Quando ela falou isso, Sanji enfatizou a palavra “eu”.

— Por que eu deveria perguntar a ela sobre… — Antes mesmo que Changzai pudesse terminar sua pergunta, seu rosto perplexo desapareceu com se ele tivesse pensado em algo, e em vez disso seu rosto escureceu.

Algumas gotas de suor apareceram na testa da Sanji enquanto olhava para o Changzai. Ela sorriu.

— Então você não é estúpido.

Sem falar qualquer outra bobagem como de costume, Changzai respirou fundo e ajustou a sua expressão. Ele caminhou em direção a Xiaoyang, que liderava o grupo. Enquanto o ar escaldante os envolvia, Sanji ouviu fracamente a conversa deles. Changzai perguntou para a Xiaoyang sem omitir uma única palavra sequer. Xiaoyang ficou em silêncio por um momento e finalmente respondeu com a sua animada e infantil voz.

— Quem sabe? Mas nós devemos ter terminado por volta das 6hs da manhã.

Depois disso, Changzai não respondeu. Em menos de um minuto, ele retornou para a Sanji com o rosto pálido. Naquele momento, Sétimo também tinha terminado de ler a Carta Diário, e entregado ela para a Sanji, com uma expressão extremamente tensa no rosto. Ele olhou para Changzai e perguntou, mesmo antes da Sanji poder abrir a boca.

— O que aconteceu?

Changzai balançou a cabeça com uma expressão pesada.

— Aquilo é uma mentira, — ele falou. De repente, Sanji sentiu como se seu coração tivesse parado. Independentemente do que Xiaoyang tivesse falado, a menos que ela soubesse muito claramente que Changzai não retornaria, suas palavras não seriam julgadas pelo Changzai como uma mentira. Percebendo a situação difícil na qual ele estava, o rosto do Changzai ficou conturbado.

Sétimo sussurrou:

— Então, nós somos os dois restantes?

Sanji respondeu friamente:

— Aquele comentário “Que desperdício” na carta está falando de mim.

— Então, eles tentarão usar os degenerados para se livrar de nós ou vão agir eles mesmos?

— Eu não faço a menor ideia, entretanto nós temos que ficar longe deles mais tarde… mas você pode enganar o pessoal lá na fábrica se transformando em uma das pessoas de lá.

— Bem, na verdade… — Sétimo de repente fechou os olhos e fez uma careta: — Mudar de aparência é a habilidade do Lutero, então eu não consigo usar ela. No máximo, eu sou apenas uma pessoa um pouco mais forte que um humano comum.

Novamente Sanji sentiu o coração parar e ela involuntariamente parou de andar por um momento. Ela estava prestes a falar algo quando ela ouviu o grito súbito da Griselda:

— Pessoal, cuidado!

Berjkley
Analista de Sistemas, Game Developer, Mestre de RPG. Gosta de Doctor Who, Não gosta de Vampiros Purpurinados.

3 Comentários

  1. Sabia que tinha treta nesse complexo. E também, que massa i fato das habilidades de “Lutero” mudarem de acordo com sua personalidade. Obrigado pelo capítulo

  2. Atá vcs acham msm q com a quantidade absurda de suprimento q os 3 (4 com o sétimo) trouxeram para a base eles deixariam eles irem de boas? Querem é se livrar deles pra pegar os recursos, mas pra n dar muito na cara e a base n perder a confiança do resto eles fazem isso sutilmente, além do que é uma ótima forma de eliminar pós-humanos com potencial de se rebelarem.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!