PA – Capítulo 50

Desculpa, eu Destruí Aqueles Edifícios.

 

 

— O que está acontecendo? — perguntou um homem em um macacão, com o rosto cheio de suor. — Está tremendo já tem um tempo… como se fosse um terremoto. Mas, se fosse um terremoto, por que estaríamos escutando… explosões?

— É mesmo. O estranho é que os tremores são inconsistentes… — o homem sentado em frente a ele resmungou. Mudando o assunto, ele continuou, — É muito chato ficar aqui e vigiar a porta dia após dia. Eu me pergunto quando a gente vai poder ir lá fora e patrulhar por aí.

Um dos outros homens sentados na porta imediatamente riu.

— Aposto que você quer sair para procurar cigarros! Eu te conheço…

Antes que ele pudesse terminar de falar, outro cara que parecia o líder os interrompeu:

— Tem gente se aproximando. Fiquem atentos!

Os guardas se levantaram fazendo bastante barulho e olharam para fora. As luzes na entrada do Oásis se expandiam com um formato de um cone, e ao longe, a luz enfraquecia até se tornar escuridão. Da escuridão à frente, havia realmente algumas silhuetas. A primeira pessoa que eles viram era uma mulher de cabelos longos. Ela estava coberta de sangue e sujeira e para falar a verdade, estava bastante feia. A mulher estava carregando uma menina em suas costas. Era a Griselda. Xiaoyang endireitou as costas e acenou para as pessoas na entrada.

— São as pessoas do time que saiu anteriormente. Verifique a quantidade de pessoas! — o líder gritou.

— Nós já verificamos isso. Têm três pessoas. Essa é a quota para esse grupo!

Ao ver a Griselda e o Sétimo se aproximarem, o líder gesticulou para os outros e comandou:

— Certo. Abram as portas!

A porta metálica abriu lentamente assim que Griselda chegou perto dela. Como a Xiaoyang não tinha feito nada durante toda a jornada, ela ainda estava bastante limpa. Naquele momento, ela chamou os guardas na porta.

— Rápido! Informe os executivos para virem aqui! Uma grande quantidade de degenerados pode vir para cá da Longa Estrada Hua!

Os guardas ficaram assustados quando ouviram isso, e eles rapidamente olharam para o líder deles. O líder hesitou por alguns segundos, mas antes que ele pudesse falar, um jorro de areia bateu em seu rosto, e ele olhou para cima rapidamente. Em algum momento desconhecido, um formidável redemoinho de areia tinha se formado e estava agora se movendo para a entrada do Oásis. Mesmo que ainda estivesse um pouco longe, a combinação dos ventos fortes e areia chegou até eles em apenas alguns segundos. A areia arranhava a pele das pessoas perto da entrada, e era até mesmo difícil abrir os olhos.

Num piscar de olhos, o redemoinho estava bem na frente deles. Xiaoyang e os outros tinham percebido essa anormalidade, então eles correram rapidamente porta adentro. No entanto, eles não foram rápidos o suficiente. Tinham acabado de entrar no complexo quando o impacto do vento os atingiu, fazendo com que caíssem no chão. Enquanto eles estavam tentando se levantar e prestes a testemunhar o redemoinho destruir a porta de metal, o redemoinho parou na frente da porta, como se tivesse vontade própria.

O vento uivante roçava a porta metálica enquanto os guardas e os outros olhavam estranhamente para o redemoinho. Gradualmente, a areia caiu do ar como se o redemoinho tivesse perdido sua estrutura central, revelando as duas pessoas bem no meio. Quando viram as duas pessoas claramente, o grupo da Xiaoyang ofegou. Ela exclamou:

— Eles ainda estão vivos?

As duas pessoas que saíram do demônio de areia eram de fato Sanji e Changzai. O canto dos olhos do Sétimo se contraiu por um segundo. Dentre os três, ele era o que conhecia melhor as habilidade da Sanji. Mesmo antes dessa missão, ele já desdenhava das habilidades dela. Sétimo achava que a Sanji tinha conseguido sobreviver até ali apenas por causa de seus Sentidos Aguçados e seu porte atlético. Essa era a razão pelo qual ele estava confiante de que eles não conseguiriam voltar depois de terem sido cercados por degenerados.

Ela consegue controlar tempestades de areia agora? Será que ela acabou de desenvolver uma nova habilidade?

— Ptui … Augh! Ptui! Ptui!

Enquanto todos os observavam com espanto, o comportamento da Sanji se destacou. Como um gato com uma aversão à água, ela começou a cuspir profusamente enquanto tirava a areia do rosto.

— Changzai, que tipo de ideia pervertida é essa? Têm areia nos meus olhos, boca e ouvidos!

— No filme, os raios repulsores não levantavam tanta areia… — A condição do Changzai não era muito melhor do que a da Sanji. A lente de seus óculos estava coberta inteiramente pela areia.

Mesmo que o Homem de Ferro pudesse voar, a Gargantilha Pigmalião podia imitar apenas uma habilidade. Consequentemente, para se mover rapidamente e eliminar a maior quantidade de degenerados que eles pudessem, Sanji tentou manipular o ar ao redor deles para criar uma corrente de ar. Mas eles não esperavam os horríveis efeitos colaterais…

— Não é óbvio! De qualquer maneira, os cinco minutos terminaram? Hã? Líder? Sétimo? — Sanji ergueu a cabeça, sem perceber o que tinha acontecido. — Por quê vocês estão aqui? Espera… aqui não é o Oásis? Nós voltamos para o Oásis?

O grupo de pessoas na porta continuou olhando para eles com assombro, sem falar nada. Depois de um tempo, Xiaoyang finalmente falou:

— O que aconteceu com vocês? Como vocês sobreviveram?

Sanji, que estava coberta de areia dos pés à cabeça, como um soldado terracota[1], riu do que a Xiaoyang tinha falado:

— Eu acho que talvez eu tenha exagerado um pouco. Eu destruí a maioria dos edifícios do Oásis até a Longa Estrada Hua… Você não precisa se preocupar com os degenerados também. A maioria deles morreu ou fugiu. Não sobraram muitos.

Quase como tentando comprovar que o que Sanji tinha falado era verdade, um prédio alto à distância desmoronou. A multidão ficou atordoada. Sétimo foi o primeiro a reagir. Ele deu a Sanji uma olhada maléfica e disse:

— Por favor, nos avise antes de fazer algo assim da próxima vez. —  Então, ele suspirou como se estivesse aliviado. Isso atraiu olhares da Xiaoyang e Griselda. Sanji continuou rindo enquanto puxava Changzai em direção à porta.

— Senhor, o número de sobreviventes excedeu a quota… O que devemos fazer? —  Um dos guardas sussurrou para seu líder ansiosamente. — Não vai demorar para eles entrarem. Devemos detê-los?

— Que absurdo! Olhe para trás! — O líder repreendeu como se estivesse falando com um grupo de idiotas.

O homem virou-se para olhar e percebeu que a área aberta da fábrica estava cheia de pessoas, apontando os dedos e esticando o pescoço, tentando descobrir o que tinha acabado de acontecer. O aviso da Xiaoyang criou bastante alvoroço. E para piorar todo mundo tinha visto o redemoinho de areia vindo em direção ao Oásis. Embora Sanji tivesse parado o avanço, o prédio à entrada já estava amarelado e tingido pela areia.

— Além disso… Você acredita que consegue derrotar aquela mulher? Chame um executivo aqui agora mesmo! — O líder instruiu silenciosamente. — Nós não vamos nos responsabilizar por isso.

Entendendo a situação, o homem respondeu:

— Oh, irei agora mesmo.

A conversa deles tinha sido escutada pela Xiaoyang e os outros. Xiaoyang gritou com raiva:

— Tio Chen! — Ao mesmo tempo, os guardas se viraram e viram Jinfeng de pé atrás deles, com uma expressão sombria.

 

[1]: Soldado Terracota

Berjkley
Analista de Sistemas, Game Developer, Mestre de RPG. Gosta de Doctor Who, Não gosta de Vampiros Purpurinados.

7 Comentários

  1. Vlw pelo capítulo.
    Muito boa a novel, n consegui resistir e li até o 177 em inglês nesse final de semana. Agora to sem nada pra ler alguém me indica alguma novel similar e de qualidade pfv.

      1. Prisão Infernal lida.
        Matador de Goblins n faz muito meu gosto.
        Ah! Vermillion, n posso reisistir, mas eu ainda venho ler as novels aqui, as traduções são muito boas msm, meu inglês n é perfeito, as vezes n entendo alguma frase direito ou fica confuso na gringa. Eu até gostaria de ajudar com essas novels delícia, se tiver algum projeto sobrando me avisa.
        Vlw pelos capítulos!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!