RN – Capítulo 78

Livro de Nalu

Marvin ficou em silêncio. Ele estava muito claro sobre quem era aquela sombra.

O Príncipe Sombrio! Um deus muito ativo durante a Grande Calamidade, seus avatares estavam por todo Feinan. Certa vez, ele assassinou três lendários ao mesmo tempo. Ele era um deus muito ciumento e mesquinho. As pessoas que o reverenciavam ou eram assassinos ou eram magos das sombras.

Mas se um lendário aparecesse dentro dessas duas classes, ele estrangularia seu próprio seguidor sem a menor hesitação. Sua famosa frase era: “Apenas um assassino é suficiente neste mundo”.

Marvin conhecia muito bem o Príncipe Sombrio, ele era um completo covarde. Ele gostava de se esconder nas sombras, mas ele era muito poderoso. Se Marvin quisesse avançar para Soberano da Noite, o Príncipe das Sombras não o deixaria em paz. Na verdade, Marvin lutou contra ele um número incalculável de vezes no jogo. Marvin morreu três vezes e o Príncipe Sombrio morreu uma vez.

Mas como Marvin era um jogador, ele tinha a identidade de “Geração de Ouro”. Ele poderia continuar revivendo. O Príncipe Sombrio só tinha uma vida, então Marvin ainda teve a vitória final.

O resultado final foi a queda do Príncipe Sombrio e Marvin atingindo com sucesso a Divindade. Mas isso foi obviamente em sua vida anterior. A cena mostrada na bola de cristal foi quando Marvin matou o Príncipe Sombrio e roubou o Livro de Nalu de seu corpo.

Ele não sabia por que Hathaway podia ver essa cena. Isso foi realmente muito intrigante.

— Você quer que eu o mate? — Marvin disse com um pouco de dificuldade.

O atual Marvin era definitivamente uma formiga para o Príncipe Sombrio. Ele poderia esmagar Marvin entre os dedos a qualquer momento.

—Você acha que pode? — Hathaway imediatamente zombou — Todos os lendários de Feinan estão procurando por esse cara, mas eles ainda não conseguiram pegá-lo. Você, um ranger que nem sequer conseguiu sua segunda classe, seria capaz de matá-lo?

— Então, por que você me mostrou isso? — Marvin perguntou com seriedade.

— Eu preciso de você para conseguir isso. — Hathaway apontou para aquele pergaminho que Marvin segurava na bola de cristal.

— O Livro de Nalu.

Também conhecido como “Livro da Trapaça”, era um livro mágico escrito pelo Deus da Trapaça, chamado Nalu, nos últimos momentos antes de sua queda. Cada pessoa poderia entender algumas coisas, boas ou ruins. Era aleatório e dependia totalmente da sorte.

Essa coisa era um artefato divino.

— Eu não sei a localização atual deste livro, mas claramente não está nas mãos do Príncipe Sombrio.

— Pelo que eu vi, você parece ter uma conexão especial com este livro. Você deve ser capaz de encontrar este livro. — Os olhos de Hathaway estavam brilhando — Você pode?

Marvin hesitou por um momento e depois assentiu.

— Mas apenas uma página. Meu sonho me mostrou a localização de uma página do Livro de Nalu enterrada não muito longe daqui.

Marvin escolheu reconhecer essa identidade de “Vidente”. Como Hathaway achava que eram parecidos, não havia mal algum em usar isso com cuidado. Ele realmente sabia onde estava a 6ª página do Livro de Nalu. Certamente seria bastante vantajoso se ele pudesse entregá-lo a uma futura lendária.

— Vou te dar três meses. — Hathaway disse com firmeza — Eu tenho que alcançar o ranque lendário antes que este evento aconteça. O Livro de Nalu me ajudaria a conseguir isso, mesmo que seja apenas uma página. Agora, me diga o que você quer em troca. — A maga soltou a bola de cristal e olhou para Marvin — Espero que você não seja estúpido e peça qualquer coisa exagerada.

Quando Marvin deixou o último andar da Torre Cinzas, já era meia noite. Os dois haviam discutido por um bom tempo. Devido ao fato de que ambos compartilhavam a identidade de Vidente, Hathaway parecia tratar Marvin como um igual, o que era bastante incomum.

Infelizmente, Marvin sabia que ele não era um vidente. O que ele viu não foi a visão vaga de Hathaway sobre o futuro, era o verdadeiro futuro!

Os dois conversaram por um tempo. De acordo com o que Hathaway sabia, o número de videntes em Feinan não passaria de dez. Todo vidente tinha o potencial de ser um lendário. Ela não estava muito clara sobre a origem dos videntes, mas certamente tinha algo a ver com o desaparecimento do Deus dos Magos.

Marvin prometeu procurar o Livro de Nalu para Hathaway. Suas exigências eram muito simples: proteja meu irmão mais novo, Wayne, e forme uma aliança entre a Torre Cinzas e o Vale do Rio Branco.

Hathaway foi direta e prometeu. Ela obviamente sabia sobre o assunto com a família Unicórnio. A força da Torre Cinzas era muito poderosa, eles não tinham medo da família Unicórnio. Proteger o Vale do Rio Branco era algo muito fácil de se fazer também.

A notícia da aliança seria anunciada amanhã de manhã e se espalharia por toda Costa Leste. Assim, pessoas que queriam colocar as mãos no Vale do Rio Branco pensariam duas vezes antes de agir. Nem todo mundo poderia enfrentar uma maga semilendária irritada.

Para Marvin, encontrar acidentalmente Hathaway tornou todos os seus planos mais tranquilos de se realizar. Ele originalmente ainda precisava lidar com a família Unicórnio, mas agora, a pressão desapareceu.

Ele correu de volta para o quarto de Wayne e viu que o pequeno garoto já estava dormindo. Depois de explicar algumas coisas ao velho mordomo, Marvin deixou a Academia Magore imediatamente. A verdadeira Batalha do Santo Graal começaria em duas semanas. Wayne deveria ter se recuperado até lá.

Marvin continuaria com seu plano anterior nesse meio tempo. Ele não havia esquecido a Flor Eterna prometida ao Lich Louco[1], e agora ele também tinha que pegar o Livro de Nalu para Hathaway. Essas coisas estavam muito bem escondidas, mas felizmente, a memória de Marvin era excepcional, e ele tinha uma profunda afinidade com os tesouros, ou isso teria sido uma verdadeira dor de cabeça.

É claro que a parte mais importante ainda estava em subir de ranque! Transformar-se em um Caminhante Noturno era a parte mais importante do plano de Marvin. Se ele não pudesse avançar, mesmo se Wayne e Marvin trabalhassem juntos, eles poderiam não ser capazes de ganhar o encantado Santo Graal!

Para se transformar em um Caminhante Noturno, ele precisava encontrar um membro dessa organização. Marvin alugou um cavalo na Academia Magore e cavalgou para o norte durante a noite. À noroeste das Torres dos Três Anéis havia uma grande floresta densa que se estendia por mil quilômetros, a Floresta das Mil Folhas. Era também o território dos elfos da floresta!

Marvin sabia a localização de um Caminhante Noturno. Ele vivia em reclusão nos arredores da Floresta das Mil Folhas. Este cara aparentemente não era uma boa pessoa, mas se ele pudesse ter sua recomendação, seu avanço estaria praticamente feito!

Cidade de Carvalho.

Como a cidade humana situada mais ao norte das Torres dos Três Anéis, Cidade de Carvalho sempre foi o paraíso dos aventureiros e comerciantes. Todos os tipos de comércio foram para lá, incluindo o comércio de escravos. Claro, nenhum escravo élfico era negociado neste lugar.

Como esta era uma área montanhosa ao lado do reino dos elfos da floresta, até mesmo os comerciantes gananciosos não ousavam irritar o rei elfo. Especialmente desde que nos últimos cem anos, o novo rei elfo mostrou sua habilidade e uma atitude inabalável.

A glória dos altos elfos já estava sendo esquecida, e todos os altos elfos já estavam na Nação Eterna. Apenas os elfos da floresta e alguns outros elfos comuns foram deixados para trás.

Os elfos da floresta eram os mais unidos entre eles. Eles se reuniram na Floresta das Mil Folhas, ouvindo as ordens do rei elfo, e tinham conhecimento e tesouros da 2ª Era. Embora a humanidade desejasse ardentemente os recursos da Floresta das Mil Folhas, o formidável rei elfo, com a ajuda da [Guarda de Ferro Élfica], prendeu magos humanos, traficantes de escravos e homens de negócios.

Nos últimos cem anos, poucos escravos élficos apareceram no sul, pois se um elfo desaparecesse, aquele poderoso rei elfo lendário partiria e mataria impiedosamente toda a aldeia humana! Esse cara era um assassino entre elfos! Ele simplesmente não se portava como um elfo.

Mesmo se a Assembleia dos Anciões estivesse insatisfeita com este novo rei elfo, eles também teriam que admitir que sob a liderança deste rei, os elfos da floresta estavam novamente se levantando, recuperando parte da glória que tiveram durante a 2ª era.

Pelo menos, a Aliança dos Magos do Sul proibiu a escravidão élfica e tomou a iniciativa de ser amiga do reino dos elfos da floresta. A existência da Cidade de Carvalho foi um símbolo de uma cooperação amistosa entre os dois lados.

Ambos os lados estavam lá para se envolver no comércio, respeitando a antiga ordem social. Duro, mas justo. Mas isso não impediu que os humanos fossem para o norte.

O rei elfo não permitia que nenhum humano entrasse na Floresta das Mil Folhas. Assim que alguém fosse capturado, seria imediatamente preso. Elfos geralmente não matavam, mas suas masmorras eram bem duráveis.

Embora fosse assim, a Floresta das Mil Folhas era muito vasta e havia poucos guardas de ferro élficos. Ainda havia muitos aventureiros entrando secretamente na Floresta das Mil Folhas para reunir algumas coisas boas.

Enquanto a sorte estivesse com eles, eles poderiam ganhar um pouco.

Mesmo que eles encontrassem um guarda de ferro élfico, contanto que não o irritasse, dissessem algumas palavras amistosas e desistissem de tudo o que conseguissem na Floresta das Mil Folhas, talvez conseguissem escapar ilesos.

Assim, Cidade de Carvalho sempre foi um bom lugar para os aventureiros de baixo nível apostarem. Quando Marvin chegou a Cidade de Carvalho das Torres dos Três Anéis, já era de manhã.

Ele levou o cavalo para a cidade.

Se eu não estou errado, esse cara vive em reclusão na Cidade de Carvalho. — Marvin pensou — A localização exata é… Ah, esquece, fazer uma visita à noite é mais apropriado. Eu me apressei no meio da noite, estou cansado … 9 de Constituição é realmente muito ruim.

Marvin se aproximou da porta de uma estalagem enquanto bocejava. Ele pagou e foi dormir.

Ao cair da noite, Marvin acordou ainda meio sonolento. Depois que ele se alimentou, ele ficou em alerta, saiu da estalagem, caminhando pela rua.


 

 

[1] Caso você queria se lembrar, isso ocorreu lá no capítulo 61.

Gabriel
O Rei dos Undeads!

5 Comentários

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!