LAB – Capítulo 212

Caravana e novas informações

Já era o segundo mês do verão e, como previsto, Margaret chegou em Vila Fronteiriça. Desta vez, a quantidade de navios trazidos pelo grupo de comércio era muito superior ao que o cais poderia acomodar, de forma que muitos navios agora tinham que atracar pelo rio e esperar o término do descarregamento dos outros navios que estavam na frente para, finalmente, poderem atracar.

Isso fez com que Roland percebesse que o cais da vila teria que ser expandido.

Este mês, a Companhia Industrial de Castelo Cinza finalmente completou sua tarefa, e ao reduzir a taxa de rejeição de peças para 40%, eles produziram com sucesso três motores a vapor para o dia da entrega. Entretanto, em comparação com a terceira geração atual dos motores utilizados em Vila Fronteiriça, os produtos comerciais, ou seja, os motores a vapor fabricados para a venda, manufaturados na fábrica, ainda vazavam ar, eram barulhentos, vibravam muito e tinham outros aspectos que os tornavam de qualidade bem inferior. Mas, em comparação com a geração anterior, ainda era um grande progresso.

A Câmara de Comércio da Baía Lua-crescente trouxe uma equipe composta por 300 artesãos, conforme o combinado. Roland colocou todos eles no parque industrial no lado sul do Rio Vermelho. Também construiu uma nova fábrica de madeira além da fábrica original, e incumbiu a Karl a construção de um dormitório próximo ao rio para os funcionários. Para o processo de corte dos troncos de madeira, visando completar a construção do dormitório em apenas um mês, ele instruiu Karl a cuidar de questões técnicas enquanto Anna iria cortar e fatiar os materiais. Assim, o processo que envolvia os troncos, originalmente mais demorada, foi completada em apenas dois dias.

Karl ficou impressionado com o progresso de Anna em sua habilidade. Com apenas meio ano, essa fraca e tímida garota tinha se tornado tão brilhante e autoconfiante que era inacreditável.

No castelo, Roland realizou um jantar pomposo, dando boas-vindas à chegada do grupo comercial. Ao mesmo tempo, também foi a primeira vez que o licor branco foi apresentado aos comerciantes.

— Toda vez que chegamos aqui o senhor nos apresenta coisas novas, Margaret realmente não mentiu. — Hogg exclamou — Até o vinho é tão fora do comum… isso…

— Licor branco. — Margaret lembrou.

— Sim, licor branco! Ao experimentá-lo, a sensação é de que tanto a cerveja quanto o vinho são bebidas sem muito sabor. — Hogg, com um sorriso, tomou todo o licor de sua taça em um gole só — Vossa Alteza, esse produto, o senhor poderia me vender alguns lotes, não?

— Ainda prefiro vinho de fruta, esse licor branco é muito ardente para o meu gosto. —  Margaret sorriu balançando a cabeça.

— Isso tem a ver com preferências pessoais, a alta concentração de licor destilado não é para todos os gostos. — Roland disse sorrindo — Eu também não planejo vendê-lo, por isso quis que vocês experimentassem, já que consegui produzir algumas garrafas.

Nessa época em que o consumo de bebidas fermentadas ainda era o padrão, bebidas alcoólicas destiladas claramente ofereciam um ótimo potencial para abrir um novo mercado, como o licor branco, o rum, o uísque e a vodca, todas bebidas destiladas com alto teor alcoólico. E, juntamente com estas bebidas destiladas, as bebidas alcoólicas fermentadas também poderiam impulsionar este tipo de indústria.  No entanto, por enquanto, ainda era muito cedo para abrir esta indústria em Vila Fronteiriça.

— Vossa Alteza, trago comigo algumas notícias de acordo com o assunto que o senhor mencionou em sua carta anterior. — Margaret começou — Não houveram muitas mudanças desde que a Igreja assumiu o Reino de Inverno Eterno. Atualmente, eles estão enfrentando uma resistência muito forte do Reino de Coração de Lobo. Por isso, reuniram todas as suas tropas no Castelo do Dente Quebrado, mas não conseguiram avançar nos últimos dois meses.  Além disso, o Reino do Alvorecer enviou uma mensagem a Castelo Cinza que, diferente do objetivo que a Igreja tem de eliminar as bruxas, eles, na verdade, querem assumir os Quatro Reinos. Eles sugeriram o estabelecimento de uma aliança entre os dois países, expulsando as forças da Igreja de seus reinos e lutando conjuntamente contra a Cidade Sagrada de Hermes.

— Como a Cidade Real respondeu? — Roland perguntou

— O Primeiro-Ministro do Reino, Marques Wyke, recusou imediatamente essa proposta, e até denunciou o Reino do Alvorecer por falar coisas sem sentido. — Margaret deu de ombros — Este assunto causou um grande alvoroço na Cidade Real. Mesmo a nobreza foi incapaz de chegar em uma conclusão consistente. Até onde eu sei, muitas pessoas apoiam a ideia de uma aliança. Afinal, até o momento, a Igreja não deu sinal de que devolverá  a soberania do Reino ao sucessor do Reino de Inverno Eterno.

— Timothy não deu um passo à frente?

— A resposta foi certamente para incitar Timothy, neste momento ele próprio está dirigindo-se com seu exército para o Leste. — Margaret mostrou uma expressão um tanto digna — Ouvi dizer que havia uma enorme frota ao leste do Condado de Ventomar que atacou e saqueou a costa leste. Eles não pararam por nada, e mesmo as igrejas não foram poupadas. Muitos comerciantes dos Fiordes também foram saqueados e tiveram enormes prejuízos. Muitas pessoas se tornaram fugitivas na Região Oeste, Hogg e eu já abrigamos muitos deles. — Margaret acrescentou — Eles disseram que os saqueadores já não estavam apenas pegando dinheiro, mas, também, levando pessoas e saqueando todas as suas posses. Depois disso, eles queimariam tudo o que foi deixado para trás. Parece que eles querem transformar toda a Região Leste em uma terra de cinzas. Este é um golpe absolutamente severo para a aristocracia da Região Leste que recentemente foi subjugada por Timothy.

Normalmente, saber que Timothy estava sofrendo um ataque maciço deveria ser algo a comemorar, mas quando soube que o outro lado havia capturado a população, Roland sentiu algumas pontadas de dor em seu coração.

— Aqueles que conseguiram escapar…

— O senhor está interessado neles? — Margaret sorriu levemente — Depois de ler a carta, já adivinhei que o senhor poderia querer comprar um grande número de escravos para enriquecer a força de trabalho em seu território. No entanto, em comparação com os refugiados estrangeiros do Reino de Inverno Eterno e do Reino de Coração de Lobo, os refugiados de Castelo Cinza podem não estar dispostos a vender-se como escravos.

— Não preciso deles como escravos. Enquanto essas pessoas estiverem dispostas a vir até Vila Fronteiriça para se estabelecerem, haverá comida e habitação para elas, e elas também serão pagas por seu trabalho.

Após Roland corrigir o pensamento de Margaret, ele também percebeu que esta era uma boa oportunidade para expandir a população da vila, mesmo que as notícias tenham chegado um pouco atrasadas.

— Quantas pessoas estão lá?

— A maioria dos refugiados robustos e fortes já foram capturados pela nobreza e pelas caravanas, mas ainda deve haver quase dez mil pessoas reunidas na parte exterior da Cidade Real de Castelo Cinza. No entanto, a maioria destas pessoas são mulheres e crianças.

— Tudo bem. Eu enviarei alguém para perscrutá-los e trazê-los para cá. — O Príncipe disse — No caso de eu querer trazê-los, preciso lidar com os funcionários da Prefeitura da Cidade Real de Castelo Cinza?

— Não precisará. — Margaret acenou com a mão para enfatizar suas palavras — Eles serão eternamente gratos por alguém tê-los levados para longe. Caso contrário, o alimento que eles têm não será suficiente. No caso do número continuar a aumentar, pode até tornar-se possível que a falta de comida cause confusão e motins.

Após o jantar, Roland voltou para o escritório e chamou Theo, sua guarda pessoal. Este incidente fez com que ele percebesse o quão atrasado seu sistema de inteligência era atualmente. Se ele tivesse recebido a informação sobre o problema dos refugiados imediatamente, ele poderia ter feito os preparativos antes. No fim, isso teria permitido que ele trouxesse ainda mais pessoas para Vila Fronteiriça.  Mas até agora, sua compreensão do mundo exterior limitava-se apenas à informação que ele obtinha das caravanas que chegavam uma vez por mês, e uma taxa como essa simplesmente não era capaz de atender suas demandas.

Mesmo com seu exército estacionado em Forte Cancioneiro, que tinha sido estabelecido como um ponto de revezamento, ele só podia monitorar a Região Oeste. Se ele realmente quisesse competir pelo trono de Castelo Cinza, ele teria que estender sua rede de inteligência para cobrir todo o Reino, ou melhor ainda, todo o continente.

Agora, Roland não tinha um número suficiente de subordinados leais e devotos que ele poderia usar para estabelecer uma rede de inteligência completa, muito menos colocar espiões em todas as partes do país para trabalhar como seus agentes secretos. Portanto, ele começou a estabelecer as bases enviando algumas pessoas para a Cidade Real de Castelo Cinza, deixando-as coletar informações da cidade e das regiões externas. Não era necessário que eles começassem com um monitoramento detalhado, mas dessa forma, ele ainda poderia, pelo menos, ter uma compreensão aproximada da situação geral e não ter que ficar no escuro, assumindo uma posição passiva como hoje.

Estando ciente da influência de Theo entre os ratos do Submundo da Cidade Real de Castelo Cinza, o Príncipe sabia que ele era o melhor candidato para o trabalho.

— O senhor quer que eu siga a caravana para a Cidade Real de Castelo Cinza?  — Theo estava incrédulo.

— Isso mesmo. Você terá duas missões. Sua primeira missão é encontrar-se com os refugiados da Região Leste. Vou enviar um grupo de cem soldados com você que será responsável por escoltar os refugiados de volta a Vila Fronteiriça. Vou informá-lo mais tarde sobre as condições específicas da triagem, mas isso ainda será antes que a caravana saia.

— Sim senhor.

— Sua segunda missão será o seguinte: quando toda essa demanda de refugiados se acalmar, você ainda ficará na Cidade Real de Castelo Cinza e começará a coletar informações de todos os lugares da cidade para mim. Como você já está acostumado a lidar com os ratos do Submundo, você deve estar bem ciente sobre como trabalhar com eles. Além disso, a Câmara de Comércio de Margaret irá apoiá-lo totalmente, ao existir tarefas que exijam dinheiro, você pode ir até ela e pedir o quanto for necessário. Comparado com a sua antiga tarefa de ir a Cidade Carmesim para espalhar aquelas notícias sobre as bruxas, desta vez, seus fundos serão ilimitados. — Roland colocou um revólver na mesa — Preste atenção e proteja-se, espero receber boas notícias em breve.

JZanin
Professor de Química, mestre em Ensino de Ciências, jogador de RPG sem tempo e Deodoro Aliguieri nos tempos vagos que não existem mais. ~Strong alone, stronger together!~

19 Comentários

  1. Mal posso esperar pela guerra entre ele e seus irmãos e contra a ingreja *-* com certeza vai ser foda

  2. Agora que eu parei pra pensar em algo….. O quão longe o Roland vai conseguir levar a tecnologia até o final da novel?
    Acho que daqui a pouco o o cenário vai ficar parecendo um Dieselpunk ou steampunk

    Obrigado pelo capítulo!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: O conteúdo deste site está protegido!